Diário Bem-Viver

Tratamento inovador para hérnia de disco

Os discos intervertebrais desgastam-se com o tempo e o uso repetitivo, o que facilita a formação de hérnias de disco.

Diogo Brondani


A coluna vertebral é composta por vértebras, onde, no seu interior existe um canal por onde passa a medula espinhal ou nervosa. Entre as vértebras cervicais, torácicas e lombares, estão os discos intervertebrais, estruturas em forma de anel, constituídas por tecido cartilaginoso e elástico cuja função é evitar o atrito entre as vértebras e amortecer o impacto. 

Os discos intervertebrais desgastam-se com o tempo e o uso repetitivo, o que facilita a formação de hérnias de disco. Ou seja, parte deles sai da posição normal e comprime as raízes nervosas que emergem da coluna. O problema é mais frequente nas regiões lombar e cervical, por serem áreas mais expostas ao movimento e que suportam mais carga. 

Atualmente, uma das mais inovadoras técnicas de correção desse problema é a cirurgia endoscópica percutânea da coluna vertebral. Quem é pioneiro na execução desse método na região Central do Estado é o neurocirurgião Davidson Alba, referência em tratamentos neurofuncionais. Conforme o profissional da saúde, a técnica revolucionária  traz vantagens como permitir a alta hospitalar em poucas horas, com mínimo trauma tecidual pela abordagem e, consequentemente, mínima dor e sangramento. 

- O tratamento cirúrgico das patologias degenerativas da coluna vertebral, em especial as hérnias discais lombares, vem adquirindo novas nuances com o advento da técnica endoscópica percutânea (full-endoscopic). A possibilidade de oferecer um procedimento significativamente menos invasivo, mas tão resolutivo quanto a cirurgia tradicional, proporciona a pacientes que não poderiam ser submetidos à intervenção cirúrgica o benefício da descompressão das estruturas neurais acometidas pelas alterações degenerativas da coluna, como as chamadas hérnias ou bicos de papagaio, por exemplo - explica o profissional. 

Para se chegar ao tratamento adequado, o desafio do médico, diante de um paciente com queixas relacionadas a dor ou desconforto da coluna vertebral, notadamente a hérnia de disco, é relacionar as informações fornecidas pelo paciente e seus exames, para cruzá-las com a anatomia do sistema nervoso. 

- Deve haver uma lógica entre o que o paciente sente e aquilo que há na sua coluna. Uma dor lombar que se irradia para a perna sugere haver uma hérnia discal lombar, assim como dor cervical irradiada para o braço pode sugerir hérnia discal cervical. Fraqueza nos quatro membros pode estar relacionada a uma grande hérnia discal cervical, comprimindo a medula espinhal, assim como fadiga precoce e progressiva nas pernas, ao caminhar, pode ser causada pelo estreitamento do canal vertebral lombar, às custas de osteofitos e herniações - pondera. 

O tratamento a partir da cirurgia endoscópica percutânea da coluna vertebral, feita por vídeo, é uma técnica inovadora que o profissional, pioneiro na cidade, trouxe da Alemanha. Doutor Davidson Alba é referência em acolhimento, diagnóstico, tratamento e recuperação pós-cirúrgica de pacientes neurofuncionais. A qualquer sintoma, o profissional recomenda: 

- Ao primeiro sinal de dores que não passam ou que vão e voltam com frequência, procure um médico especialista e não deixe pra depois - finaliza.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190