contatos Assine
economia

Usina Termelétrica em São Sepé vai gerar energia para abastecer 130 mil pessoas

22 Novembro 2018 23:04:00

Empreendimento espera começo das operações para dezembro

da redação
Foto: Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A empresa Enerbio, responsável pela coordenação técnica da construção da Termelétrica São Sepé, em São Sepé, divulgou que a usina deve começar a operar até o fim de dezembro deste ano. No entanto, a inauguração já tem data: 18 de dezembro, às 10h, com a presença do governador José Ivo Sartori (MDB).

Usina Termelétrica de São Sepé deve ficar pronta em agosto

Segundo o prefeito de São Sepé, Leocarlos Girardello (PP), a presença de Sartori está confirmada no ato de inauguração, que deverá ter, ainda, a presença de outras autoridades estaduais, prefeitos, vereadores e lideranças da Região Central.

Anunciada em 2014, com construção que teve início em 2017 e orçada em R$ 48 milhões, a termelétrica vai gerar oito megawatts de energia, quantidade que é capaz de abastecer 31 mil domicílios, ou seja, uma população de 130 mil pessoas - número que é quase seis vezes maior que a população de São Sepé, que é de 23.690 conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para produzir essa energia, a usina vai funcionar com biomassa, gerando energia a partir da queima da casca de arroz. A termelétrica será abastecida com cerca de 66 mil toneladas da matéria-prima de 10 agroindústrias da Região Central do Estado. 

Mais de 200 lojas estão em liquidação em Santa Maria

Os equipamentos da usina passam por testes desde o final de setembro deste ano. O primeiro teste com casca de arroz estava previsto para esta sexta-feira. Antes, os testes eram feitos com carga baixa de energia, com até 50% da capacidade da termelétrica. Agora, as cargas aumentarão de forma gradativa até chegar à potência máxima. A usina fica às margens da RSC-149, em São Sepé.

- É uma emoção ver a usina começando a funcionar - diz Girardello, comentando a fase de testes.

A USINA
A Termelétrica São Sepé pertence à Cooperativa Regional de Eletrificação Rural do Alto Uruguai (Creral), com sede em Erechim. A queima da casca de arroz será feita em uma caldeira com fornalha, grelha e chaminé, sendo que a maior peça pesa 52 toneladas. A usina também terá moega, elevador, peneiras e silos, que formam o pátio de biomassa, onde será feito o recebimento da matéria-prima para produção de energia. (*Colaborou José Mauro Batista)

O EMPREENDIMENTO 

  • O investimento para a construção da usina é de R$ 48 milhões
  • A Termelétrica São Sepé pertence à Cooperativa Regional de Eletrificação Rural Alto Uruguai (Creral), com sede em Erechim
  • A previsão é de que serão gerados 25 empregos diretos e 15 indiretos
  • A usina tem potência instalada de 8 megawatt, o suficiente para abastecer 31 mil domicílios, ou seja, uma população de 130 mil pessoas, número quase 6 vezes maior que a população de São Sepé, que é de 23.690 habitantes 
  • A usina vai funcionar com biomassa gerada com a queima de 70 mil toneladas de casca de arroz por ano 
  • A casca será fornecida por 10 empresas arrozeiras da região
  • A energia gerada será transmitida até a subestação Formigueiro, localizada a cerca de 2km da sede
  • Toda a energia será injetada no Sistema Interligado Nacional, porém o efeito imediato será sentido inicialmente na região, com o reforço do sistema elétrico regional


fale conosco

redação
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
atendimento@diariosm.com.br
ouvidoria@diariosm.com.br
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190