Em Agudo, chuva causa danos em estradas e no desvio sobre o Arroio Corupá

No domingo (16), a chuva registrada no município bloqueou a passagem de veículos pelo desvio sobre o Arroio CorupáFoto: Prefeitura de Agudo

O município de Agudo, localizado na Região Central, ainda vive um período de reconstrução. As enchentes históricas do mês de maio alteraram não só a paisagem e a rotina dos moradores, mas também deixaram localidades inteiras ilhadas e famílias fora de casa. Nos últimos dias, a reconstrução do município tem sido acompanhada por novos estragos e alertas. Isso porque o volume de chuvas registrado no fim de semana, apesar de menos intensas, danificou estradas e desvios em Agudo.


+ Entre no canal do Diário no WhatsApp e confira as principais notícias do dia


Levantamentos da BaroClima Meteorologia, revelam que no domingo, até às 17h25min, Agudo registrou um acumulado de 58 milímetros. O suficiente para causar estragos em estradas do município e danificar o desvio sobre o Arroio Corupá, o que impediu a passagem de veículos.

Na tarde desta segunda-feira (17), o desvio foi consertado pela prefeitura e o trânsito liberado. Conforme o coordenador da Defesa Civil de Agudo, João Marques, não houve registro de outros estragos no município. Apesar do restabelecimento no tráfego, as autoridades seguem com os alertas. Em caso de necessidade, moradores podem contatar a Defesa Civil pelo WhatsApp ou os Bombeiros pelo 193.

Na tarde desta segunda (17), o trânsito foi liberado no desvioFoto: Defesa Civil de Agudo


Chuvas causam estragos em outros municípios da região 

Pelo menos 19 municípios gaúchos registraram danos por causa da chuva que retornou ao Estado neste fim de semana, conforme lista divulgada pela Defesa Civil. Os prejuízos incluem alagamentos, inundações, vendavais e deslizamentos de terra. Por isso, novos alertas foram emitidos em todo o Estado.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu dois alertas para tempestade, válidos até a manhã de terça-feira (18). Um deles, da cor laranja, representa perigo e é válido para o Norte, Serra e uma pequena parte da Região Metropolitana. O volume de chuva pode chegar a 100 mm em 24 horas, com ventos de até 100 km/h e queda de granizo.

O outro aviso, da cor amarelo, representa perigo potencial. Ele é válido para partes do Centro, Região Metropolitana, Noroeste e Sudeste. O volume de chuvas pode ser de 50 mm em 24 horas.

Confira a lista de municípios que registraram danos pelas chuvas:

  • Arvorezinha
  • Bento Gonçalves
  • Boqueirão do Leão
  • Canela
  • Capão da Canoa
  • Caxias do Sul
  • Coqueiro Baixo
  • Dom Pedro de Alcântara
  • Igrejinha
  • Mampituba
  • Maquiné
  • Pareci Novo
  • Parobé
  • Roca Sales
  • São Luiz Gonzaga
  • Rio Pardo
  • São Vendelino
  • Três Coroas
  • Vale Real​


Confira os acumulados na região: 

*De sábado a noite até às 15h30 desta segunda (17)

  • Cruz Alta 118mm
  • Tupanciretã 91mm
  • São Martinho da Serra 88mm
  • Santa Maria Perpétuo Socorro 80mm
  • Restinga Sêca 78mm
  • Júlio de Castilhos 77mm
  • Santiago 76mm
  • Nova Palma 70mm
  • Faxinal do Soturno 67mm
  • Agudo 67mm
  • Santa Maria INMET 65mm
  • Santa Maria Lorenzi 64mm
  • Santa Maria João Goulart 63mm
  • Jaguari 61mm
  • Silveira Martins 60mm
  • Pinhal Grande 59mm
  • Santa Maria Estância Velha 55mm
  • São Sepé 37mm
  • São Gabriel 27mm
  • São Vicente do Sul 26mm
  • Cacequi 21mm


Leia também: 

Carregando matéria

Conteúdo exclusivo!

Somente assinantes podem visualizar este conteúdo

clique aqui para verificar os planos disponíveis

Já sou assinante

clique aqui para efetuar o login

Volta da chuva intensifica monitoramento em áreas de risco em Santa Maria Anterior

Volta da chuva intensifica monitoramento em áreas de risco em Santa Maria

Nova proposta financeira para o transporte coletivo em Santa Maria deve ser apresentada na quarta-feira Próximo

Nova proposta financeira para o transporte coletivo em Santa Maria deve ser apresentada na quarta-feira

Geral