pandemia

Sem vacina para todos, prefeitura retoma 2ª dose em pessoas com 67 anos ou mais

Idosos com menos de 67 anos chegaram a procurar locais de vacinação, mas foram orientados a voltar para casa. Quantitativo não é suficiente para todos

18.398

Foto: Pedro Piegas (Diário)

Foi realizada, na manhã desta terça-feira, a vacinação da segunda dose para idosos de 67 anos ou mais que estavam com a aplicação atrasada em Santa Maria. Puderam se vacinar idosos que receberam a primeira dose entre 1º e 3º de abril e ainda não haviam recebido a dose complementar da CoronaVac, em função do atraso no envio do imunizante pelo Instituto Butantan. A prefeitura havia adiado temporariamente duas ações - programadas para 29 de abril e 1º de maio - para cerca de 8,3 mil idosos.

Santa Maria registra mais oito mortes associadas à Covid-19

Em função do baixo quantitativo de CoronaVac, foi preciso restringir a idade dos idosos já que o quantitativo de 3,9 mil doses não é suficiente para todos. À medida que novas remessas forem chegando, serão anunciadas as próximas ações para idosos de 64, 65 e 66 anos, que também estão com as doses atrasadas no município. 

Por recomendação da Anvisa, vacinação para grávidas está suspensa em Santa Maria

Mesmo assim, teve quem estava fora da faixa etária indicada e que procurou os locais de vacinação nesta terça-feira. No estacionamento da loja Havan, que substitui o drive-thru do Shopping Praça Nova, houve registro de idosos com idade inferior a 67 anos que foram buscar a vacina. Eles foram orientados a voltar para casa, porque nesta terça-feira somente pessoas com 67 anos ou mais têm a dose garantida. Foi o caso do aposentado João Francisco Jacques de Oliveira, de 66 anos. Ele tomou a primeira dose no dia 1º de abril, junto da esposa Nara Oliveira, de 67 anos. Nesta terça, apenas Nara recebeu a segunda dose.

- Minha segunda dose deveria ser junto com as outras pessoas que fizeram a primeira dose comigo. Não sou só eu. Teve outras pessoas que foram tiradas da fila após duas horas de espera, quase. Eu faço 67 anos daqui há dois meses - reclama o aposentado.

Em duas horas de vacinação no local, cerca de 270 pessoas receberam a segunda dose. Um deles Clóvis Zanini Borges, de 68 anos. Ele chegou por volta de 7h30min ao estacionamento.

- Era para ser no dia 29, mas como a vacina não veio, só consegui hoje. As pessoas têm que se cuidar. Vejo muita gente sem máscara, aglomeração - disse o aposentado.

Após esta terça-feira, ainda restam cerca de 5,3 mil pessoas com a segunda dose atrasada, que correspondem às demais faixas etárias, de 66, 65 e 64 anos. Ontem, a cidade recebeu mais 870 doses do imunizante. O Butantan entregou, ainda na segunda-feira, 2 milhões de doses que devem ser distribuídas a todos Estados. Na quarta, mais 1 milhão deve ser entregue. O atraso nas entregas é por causa da falta de matéria-prima para a vacina.  Depois da ação de hoje, a prefeitura deve avaliar o cronograma das próximas ações.

Conforme o secretário de Saúde Guilherme Ribas, novas ações de segunda dose dependem da chegada de novas remessa da CoronaVac.

- Quando adiamos a vacinação, tínhamos a informação de que chegaria um quantitativo mais elevado de doses, o que não chegou. Mas sempre continuamos vacinando, com ações menores ou não. Vamos começar a fazer a imunização e se chegar mais doses vamos realizar nessa semana, ou no começo da outra semana, uma nova ação - disse Ribas.



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190