vacinação

Segunda dose contra Covid-19 terá datas antecipadas em Santa Maria

Mudanças decorrem da antecipação para 10 semanas no intervalo entre aplicações, definida por SES e Cosems/RS na última segunda-feira

Leonardo Catto
Foto: Foto: Pedro Piegas (Diário)

Foto: Pedro Piegas (Diário)

Quem ainda não tomou a segunda dose contra a Covid-19 deve ficar atento a novas datas. A aplicação complementar será antecipada em Santa Maria. Isso ocorre porque a Secretaria da Saúde (SES) e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems/RS) reduziram de 12 para 10 semanas o intervalo das vacinas de duas doses no Rio Grande do Sul.

Depois de uma semana sem registros, UPA volta a ter óbito por Covid-19

A alteração se deu depois que dois casos suspeitos da variante Delta foram notificados, em Gramado e Santana do Livramento. Ambos estão em investigação na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Essa mutação é considerada como de grande preocupação pelo rápido contágio e tendência de evolução para casos graves de Covid.

A ideia é que mais pessoas tenham a imunização completa de forma antecipada. Segundo o Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), mudar o intervalo para 10 semanas diminui a proteção individual contra a doença. Porém, com mais pessoas vacinadas, a circulação do vírus - e da variante Delta - pode ser freada.

PREVISÃO
As novas datas ainda serão divulgadas pela prefeitura, que é responsável pela aplicação.  A decisão do Estado foi tomada levando em consideração que o Estado tem 687.105 doses da AstraZeneca para serem distribuídas.

A SES vai distribuir 308.575 vacinas AstraZeneca a partir desta quarta-feira. As demais doses serão distribuídas mais perto da data de conclusão do intervalo do próximo lote, que fecha em 23 de julho.

Nesta remessa, serão 3.495 doses para a segunda aplicação em idosos de 60 e 61 anos. Outras 4.970 vacinas serão para segunda dose de pessoas com comorbidades entre 54 e 59 anos, além de pessoas cadastradas no BPC entre 55 e 59 anos.

Na próxima remessa de AstraZeneca que chegar ao Estado, ainda ficarão reservadas 77.530 para alcançar o quantitativo de imunizantes da D2 que vence em 23 de julho.

Vacinação chega na faixa etária dos 39 anos em Santa Maria

Quanto a Pfizer, até o início de agosto não há intervalo entre doses fechando 10 semanas. Na próxima remessa que chegar ao Estado, deverão ficar reservadas 108.930 doses desse fabricante.

A destinação de mais vacinas para segunda dose deve impedir o avanço por idade tão acelerado, mas sem alterar o planejamento inicial. A previsão, no Rio Grande do Sul, ainda é de vacinar 100% da população maior de 18 anos com pelo menos uma dose de vacina contra a Covid-19 é 20 de setembro.

A medida de redução de intervalo já foi tomada em outros estados e respeita o prazo recomendado em bulas. O Ministério da Saúde, contudo, ainda recomenda o prazo de 90 dias entre doses.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190