pandemia

Santa Maria tem apenas dois leitos de UTI Covid disponíveis

Prefeito alerta para a população do estado crítico de proliferação do coronavírus

18.398
ATUALIZADA: matéria atualizada às 20h52min em 7 de dezembro de 2020

A ocupação de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em Santa Maria, um dos principais indicadores avaliados no modelo, preocupa médicos e especialistas. Isso porque, nesta segunda-feira, dos 55 leitos de UTI Covid, 53 estavam ocupados na cidade. Dois médicos infectologistas afirmaram, entretanto, que nos três hospitais - Universitário (Husm), Regional e Caridade - todos os leitos estariam em uso. Ou seja, com 100% de ocupação.  

Santa Maria entra na segunda semana de bandeira vermelha

Já o secretário de Saúde de Santa Maria, Guilherme Ribas, nega que a ocupação esteja esgotada. Ele afirmou que ainda haveria poucos leitos de UTI Covid disponíveis no Hospital Universitário de Santa Maria (Husm).

- No sistema da Secretaria Estadual de Saúde (SES), consta que, no Husm, há 15 leitos de UTI Covid, e 10 deles ocupados - declarou.

Enquanto isso, Soeli Guerra, gerente de atenção à saúde do Husm, garante que, no início da tarde de segunda, havia 12 adultos e uma criança internada em UTI Covid. O hospital possuí, ao total, 15 leitos de UTI exclusivos para coronavírus.

OS NÚMEROS
A taxa de ocupação de UTIs é a mais alta desde o início da pandemia, em Santa Maria. Conforme o boletim do Estado, que leva em conta os leitos de UTI Covid e não Covid, até o final da tarde de segunda, 88,1% dos leitos de UTI estavam preenchidos na cidade. No domingo, a proporção era de 86,2%, e no sábado, 87,2%. Na tarde de segunda, do total de 109 leitos de UTI disponíveis na cidade, 96 estavam ocupados. 

Já a taxa de ocupação em leitos clínicos é menor: 41,1% de leitos destinados a pacientes com Covid-19 ou suspeita da doença estão em uso. Na semana passada, o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) e a secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, anunciaram mais leitos no Hospital Regional, mas ainda não há data confirmada para isso.

Desde que a taxa de ocupação começou a crescer, seis instituições da Região Central emitiram uma nota de alerta. A carta, assinada por 4ª Coordenadoria Regional de Saúde (4ª CRS), Associação dos municípios da Região Centro, Hospital Universitário de Santa Maria, Hospital Regional, Grupo Hospitalar Santiago, e Hospital de Faxinal do Soturno, pede reforço na prevenção à Covid-19 (confira a íntegra no site do Diário).

ALERTA
Em live transmitida no final da tarde desta segunda, o prefeito Jorge Pozzobom alerta para a população do estado crítico de proliferação do coronavírus. Ele traçou comparativos com outros estados para comprovar que, no geral, a doença cresce cada dia mais. Santa Maria chegou a 8.816 casos confirmados de Covid-19, 93% deles estão curados. 

- Desde que iniciou a pandemia, nunca tivemos uma taxa tão grande de ocupação e de pessoas confirmadas - alerta o prefeito.

A piora de todos os indicadores preocupa: na última semana, Santa Maria teve mais de mil casos confirmados de Covid-19

Veja a live do prefeito, na íntegra:


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 

© 2021 NewCo SM - Empresa Jornalistica LTDA


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7188
(55) 3213-7190