preocupação

Rosário do Sul tem mais três mortes por Covid-19, e hospital segue superlotado

Leitos destinados a pacientes com coronavírus estão com ocupação de 200%. No final de semana, prefeitura realizou cerca de 190 testes na população

18.398
Foto: Foto: Prefeitura de Rosário do Sul (Divulgação)


Foto: Prefeitura de Rosário do Sul (Divulgação) 
Secretaria de Saúde fez um mutirão de testes e consultas durante o final de semana

A prefeitura de Rosário do Sul confirmou, neste final de semana, mais três óbitos relacionados à Covid-19. As vítimas são uma idosa, de 77 anos, e dois idosos, de 81 e 69 anos. Com os três casos, o total de mortes chega a sete no município.

Segundo a Secretaria de Saúde, os três pacientes estavam internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora. A idosa, de 77 anos, morreu no sábado e possuía histórico de diabetes. Já o idoso de 81 anos morreu no domingo e tinha diabetes e cardiopatia. O terceiro óbito, do idoso de 69 anos, aconteceu nesta segunda-feira. O paciente tinha histórico de hipertensão arterial sistêmica. 

Vacina de Oxford tem eficácia de 70% contra Covid-19

A ocupação de leitos segue acima da capacidade no único hospital da cidade. O espaço destinado a pacientes com coronavírus confirmado, que precisam de isolamento, está com 200% de ocupação - há 20 pessoas internadas no local que tem capacidade para 10. Já nos leitos de UTI, a ocupação é de 87,5%, com 7 dos 8 leitos em uso. Há 20 dias, pelo menos, os leitos de Covid estão com ocupação acima de 100%.

LOCKDOWN
Para tentar frear o aumento de casos na cidade de 40,7 mil habitantes, a prefeitura decretou lockdown entre a noite de quinta-feira e a manhã desta segunda em Rosário do Sul. Durante este período, apenas o comércio considerado essencial (como farmácias e postos de combustível) pode abrir, além de haver restrições para circulação de pessoas e até estacionamento de carros em alguns locais. Brigada Militar e Vigilância em Saúde fizeram a fiscalização e, conforme Jair Rocha Oliveira, enfermeiro e assessor técnico da Secretaria de Saúde, houve apenas alguns casos isolados de lojas que abriram de forma irregular e foram advertidas. Em geral, ele considera que as pessoas cumpriram as regras. 

- O nosso objetivo é desacelerar a curva de contágio e desafogar o sistema de saúde, que já passou do limite. Apesar da residência de uma parte muito pequena da população, a maioria entendeu a importância disso - relata. 

MUTIRÃO
Também no final de semana, a prefeitura fez um mutirão no Centro Municipal de Atendimento à Covid, onde atendeu mais de 200 pessoas, entre consultas médicas, coletas de exames e atendimentos domiciliares. Cerca de 190 coletas de testes foram encaminhadas para o laboratório da Unipampa e devem ter resultado divulgado durante a semana.

- Já esperamos um novo "boom" de casos para essa semana, com essa quantidade alta de testes feitos. Mas, consideramos de extrema importância que esses testes sejam realizados, uma vez que, assim, conseguimos ter um controle maior das pessoas infectadas e elas, sabendo que estão com o coronavírus, passam a fazer isolamento e evitar a disseminação - destaca Oliveira.

Outro fator que preocupa é o número alto de pessoas com o vírus ativo. Conforme o boletim mais recente, publicado na noite de domingo, Rosário do Sul tem 899 casos confirmados da doença, sendo 319 pessoas com o vírus ativo. Com isso, a taxa de recuperados no município atualmente é de 65%, um índice bem abaixo da média estadual, que é de 92%. 

*Colaborou Janaína Wille


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190