doação de sangue

Para manter estoque, Hemocentro precisa de doadores

Neste momento, os estoques de sangue do tipo O- estão baixos, mas qualquer tipo sanguíneo é importante

Maurício Araujo

Foto: Renan Mattos (Diário)
O ideal, para manter os estoques cheios, é coletar entre 60 e 70 bolsas de sangue todos os dias

Doar sangue é um gesto simples e que salva vidas. Por isso, o Hemocentro Regional de Santa Maria (Hemosm) tem insistido para que a população agende um horário, vá até o local e faça essa ação solidária (veja mais abaixo). Apesar de o mês de dezembro de 2020 ter ficado dentro da média de doação se comparado com o mesmo período de 2019, sem pandemia de coronavírus, janeiro sempre liga o alerta na instituição. Um dos motivos para que os estoques se mantenham guarnecidos, neste momento, é que muitos dos 15 hospitais atendidos, como o Hospital Universitário de Santa Maria (Husm), suspenderam as cirurgias eletivas por alguns períodos devido à Covid-19. 

As festas de fim de ano e as férias são motivos sempre conhecidos da coordenação do Hemocentro para a baixa doação de sangue. Nesta terça-feira, sendo o segundo dia útil do ano, o movimento era baixo. Na segunda, apenas 24 coletas foram realizadas. O ideal seria entre 60 e 70 bolsas de sangue todos os dias. O cenário dentro do Hemosm era de macas, salas de atendimento e bancos de espera vazios.

485 kg de alimentos arrecadados em lives solidárias são doados pelo Mesa Sesc Brasil

_ Sempre nos preocupamos nesta época do ano, pois a procura é baixa. Apesar de dezembro termos ficado na média, com 653 coletas, podemos aumentar os números. Sempre precisamos de voluntários. Então pedimos para que as pessoas agendem e venham doar _ destacou a coordenadora do Hemosm, Sandra Mara da Silveira.

Desde o começo da pandemia de coronavírus, o Hemocentro tem trabalhado por meio de agendamentos. Para atingir as metas, as equipes, como diz a coordenadora, fazem um trabalho de "formiguinha", ligando para as pessoas e solicitando que façam doações. Cerca de 40 cidadãos são contatados diariamente e fazem agendamentos, mas nem todos aparecem para o procedimento, que leva cerca de 40 minutos.

Policlínica Erasmo Crossetti atenderá à noite nas quartas-feiras

De acordo com a coordenadora, neste momento, os estoques de sangue do tipo O- estão baixos, mas qualquer tipo sanguíneo é importante. Então, neste início de ano, nada melhor que fazer um gesto solidário e ajudar quem mais precisa. Basta agendar e ir até o Hemocentro de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, e no terceiro sábado de cada mês, das 8h ao meio-dia.

HOSPITAL DE CARIDADE 

Veja o cronograma de atendimento da Unidade Móvel de Saúde em janeiro

Em março de 2020, o Banco de Sangue do Hospital de Caridade Dr. Astrogildo de Azevedo parou de fazer coleta e doação de sangue em Santa Maria. Para dar conta da demanda, a instituição conta com os serviços de um grupo de hemoterapia, o H.Hemo.

HEMOCENTRO REGIONAL DE SANTA MARIA  

  •  Endereço _ Alameda Santiago do Chile, 35 
  •  Horário de funcionamento _ Segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, sem fechar ao meio-dia. E no terceiro sábado do mês, das 8h ao meio-dia
  • Informações e agendamentos _ (55) 3221-5192 ou 3221-5262, ramal 204

PARA DOAR SANGUE  

Para quem quer doar sangue, os requisitos são:  

  • Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue
  • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas
  • Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação
  • Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos
  •  A frequência máxima é de quatro doações de sangue anuais para o homem e de três doações de sangue anuais para as mulher
  • O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres
  • Apresentar documento oficial de identidade com foto

Impeditivos temporários   

  • Gripe ou febre 
  • Gestantes ou mães que amamentam bebes com menos de 12 meses
  • Até 90 dias após aborto ou parto normal e até 180 dias após cesariana
  •  Tatuagem ou acupuntura nos últimos 12 meses
  • Exposição à situação de risco para HIV (múltiplos parceiros sexuais, ter parceiros usuários de drogas)
  • Herpes labial
  • Quem testou positivo para a Covid-19 não pode doar sangue pelos próximos 30 dias. No caso de pessoas que tiveram contato com alguém infectado w pelo coronavírus, a doação pode ser realizada 14 dias após o último contato, se o doador não apresentar nenhum sintoma

Impeditivos definitivos   

  • Ter passado por um quadro de hepatite após os 11 anos de idade 
  • Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, Aids (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e doença de Chagas
  • Uso de drogas ilícitas injetáveis



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190