esperança renovada

FOTOS+VÍDEO: Idosas do Lar das Vovozinhas são vacinadas contra a Covid-19

Das 141 mulheres assistidas na instituição, 3 não puderam ser vacinadas

18.304
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)
Iracelia Carvalho Ritzel, 97 anos, foi a primeira imunizada

Foto: Renan Mattos (Diário)
Iracelia Carvalho Ritzel, 97 anos, foi a primeira imunizada no lar

A esperança foi renovada nas quatro alas do Lar das Vovozinhas. Isso porque, na tarde desta quinta-feira, as idosas que moram no local foram vacinadas contra o coronavírus. Para marcar o ato simbólico as vovós mais velhas da instituição foram as escolhidas para receberem as doses primeiro. O dia era especial e, por isso, a ansiedade falava mais alto. Muitas acordaram cedo para se arrumar e esperar o momento que em iriam receber uma "picadinha" de 0,5 ml da CoronaVac.  

Sentadas no pátio, ao ar livre e de máscara, elas conversavam entre si. Além da expectativa pela chegada das doses, outro assunto que circulava era a saudade de estar entre as colegas e de dançar no pátio. Para elas a vacina representa uma nova chance de voltar a normalidade.

Iracelia Carvalho Ritzel, 97 anos, é natural de Candelária e está no lar desde 2013. Ela foi a primeira imunizada.

- Eu estava com saudade de ver minhas amigas. Estou muito feliz com a vacina - disse, emocionada.

Em seguida a idosa foi fazer o lanche da tarde.

Eva Flores Oliveira, 96 anos, foi morar no lar pouco antes de começar a pandemia. Ela foi a segunda moradora a ser imunizada na tarde de quarta-feira.

- Hoje, eu me levantei cedo, ficamos bem atacadas para receber as doses. Todos mundo se arrumou. Agora que estou vacinada estou mais feliz e mais aliviada - comentou Eva, que depois de receber a dose trocou de roupa e ficou sentada na cadeira de balanço.

Todos os 39 municípios da região já vacinaram os primeiros moradores contra a Covid-19

Conforme a vice-presidente do lar, Liliane Duarte, desde o início da pandemia as idosas foram isoladas nas quatro alas em que moram para evitar contato entre si. É por isso, que com a imunização, o contato maior pode ser liberado.

- A maioria não tem família, somos nós quem cuidamos delas. Com a pandemia, nós perdemos os voluntários que traziam a alegria e atividades, e elas estavam muito entristecidas. A partir do momento em que a gente recebe as vacinas e elas são imunizadas, diminui o risco de contraírem a doença, afinal, elas já são vulneráveis em função das comorbidades que já possuem - relata Liliane.

VÍDEO: cerca de 79 indígenas são imunizados em Santa Maria

A instituição atende a 141 idosas, dessas 138 receberam a 1ª dose da CoronaVac. Outras três estão em isolamento e não puderam ser vacinadas porque duas testaram positivo para a doença e outra aguarda o resultado do exame.

Enquanto os quatro enfermeiros do lar, Jozéli Fernandes de lima, Ana Claudia Antunes de Senna, Juliede Coelho e Alex Bittencourt, que foram capacitados pela prefeitura, se apressavam para imunizar as idosas, o cuidador de idosos Guilherme Melo preenchia a carteira de vacinação das 138 vovós.

OUTROS LARES
Nos lares que receberam as doses ainda na tarde de quarta-feira, todas as vacinas foram aplicadas (confira abaixo) e suficientes para imunizar todos os idosos residentes. Em casos específicos, como no Lar Vila Itagiba, 61 das 63 doses disponíveis foram aplicadas, por dois idosos estavam impossibilitados. Eles receberão a vacina posteriormente. A vacinação nesses locais aconteceu ainda durante a quarta-feira, com exceção do Lar Mãe Medianeira, que imunizou os 27 residentes na manhã de quinta-feira.

As doses foram aplicadas apenas nos idosos. Os profissionais dos lares deverão receber a vacina em etapas posteriores da vacinação.

IDOSOS IMUNIZADOS EM SANTA MARIA

  • Vila Pieneza - 37 de 37
  • São Gerônimo - 18 de 21 (três impossibilitados)
  • Vila Itagiba - 61 de 63 (dois impossibilitados)
  • Clínica La Vitta - 41 de 41
  • Mãe Medianeira - 27 de 27
  • Lar das Vovozinhas - 138 de 141 (três impossibilitados)

*colaborou Felipe Backes

Imagens


fale conosco

redação
[email protected]br
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190