na capital

Ex-prefeito de Santiago assume presidência do IPE Saúde

Médico-veterinário Júlio César Vieiro Ruivo tomou posse nesta terça-feira

Foto: Foto: Felipe Dalla Valle (Palácio Piratini)

Foto: Felipe Dalla Valle (Palácio Piratini)

Ex-prefeito de Santiago, o médico-veterinário Júlio César Viero Ruivo tomou posse, na manhã desta terça-feira, como o novo presidente do IPE Saúde. O sistema é responsável pelo atendimento de saúde aos servidores gaúchos.

'É um momento muito desafiador para o setor', afirma presidente da Associação de Hotéis e Restaurantes de Santa Maria

Ruivo assume o posto no lugar de Marcus Vinicius de Almeida. Ex-prefeito de Sentinela do Sul e ex-presidente da Federação das Associações de Municípios (Famurs), Marcus Vinicius estava no cargo desde julho de 2019. Agora, deixa o posto para assumir uma cadeira como deputado estadual na Assembleia Legislativa.

- Agradeço pelo voto de confiança em mim depositado. Espero estar à altura da responsabilidade. Tenho experiência na área da saúde pela minha trajetória, mas sempre quero contar com o apoio de vocês. Sei que o desafio é enorme e quero dar continuidade ao brilhante trabalho organizado pelo Marcus Vinicius - afirmou o novo presidente.

Trabalhadores de farmácias devem ser os próximos a tomar vacina em Santa Maria

Ao agradecer pela confiança e pelo respeito a ele dirigidos durante o período como presidente, Marcus Vinicius ressaltou a importância do IPE Saúde para o Estado. Segundo o ex-presidente, o órgão cumpre um papel fundamental com a cobertura de mais de 1 milhão de servidores.

NOVO PRESIDENTE
Júlio César Viero Ruivo foi prefeito de Santiago por dois mandatos (de 2009 a 2016), além de ter atuado também como vice-prefeito, secretário da Saúde e vereador do município em três legislaturas. Foi presidente do Consórcio de Saúde da região Central e presidente da Associação dos Municípios da Região Central (AmCentro).

É médico-veterinário formado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Em 2007, concluiu a pós-graduado em Gestão Pública de Cidades pela Universidade Regional Integrada (URI Santiago). Quatro anos depois, tornou-se mestre em Planejamento Urbano e Regional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Sociedade de Pediatria do RS publica nota contra volta às aulas

REPASSE
Em março deste ano, o governo do Estado anunciou repasse de R$ 115 milhões para os prestadores do IPE Saúde. O valor, pago na segunda quinzena de março, foi destinado à remuneração de hospitais, clínicas e demais serviços credenciados para atendimento dos segurados.

O montante engloba aporte extra de R$ 75 milhões, composto por R$ 48 milhões de uma das cotas patronais em atraso do Executivo e R$ 27 milhões de ajustes gerenciais do próprio caixa do IPE Saúde. Outros R$ 40 milhões já faziam parte da programação regular de pagamentos.

Desde dezembro de 2020, o instituto resgatou o pagamento em dia de quatro dos cinco grupos de contas assistenciais. As internações hospitalares e os serviços complementares passaram a ser pagos em 60 dias após o lançamento das faturas pelos hospitais e clínicas - prazo compatível com aquele praticado pelas operadoras privadas. Além disso, os pronto atendimentos são pagos em 30 dias e os honorários por consultas médicas são quitados em até 15 dias após a cobrança.

*Com informações do Governo do Estado do Rio Grande do Sul


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190