pandemia

Dois campi da região suspendem aulas por conta de coronavírus

Unipampa em São Gabriel e Caçapava do Sul deve iniciar o ano apenas em 28 de março. UFSM adotou medidas de prevenção

18.398

Com sete casos suspeitos de coronavírus na região, a Unipampa se soma a lista de universidades brasileiras que suspenderam as aulas para prevenir a transmissão e contágio pela doença. A nota, lançada na noite da última quinta-feira, atinge todos os 10 campi da universidade, inclusive os de São Gabriel e Caçapava do Sul, na Região Central.

Professores da UFSM aprovam adesão à Greve Geral da Educação

Tanto Caçapava quanto São Gabriel tinham como data para início das aulas a próxima segunda-feira. Com a decisão, o ano letivo só deve começar em 28 de março. As matrículas e chamadas orais dos processos seletivos, que já estavam previstas, contudo, devem ser mantidas. A instituição criou também um Comitê de Monitoramento ao coronavírus, para avaliar e propor medidas que minimizem os riscos que contágio.

Além da suspensão das atividades de ensino, algumas determinações já foram adiantadas na nota, como por exemplo, a quarentena de 14 dias para servidores que retornarem de viagem, mesmo que sem sintomas (confira a lista de medidas abaixo). Sistema de revezamento de turnos e trabalho remoto também estão previstos na nota, para evitar aglomerações nos locais de trabalho. 

O Campus de São Gabriel tem cinco cursos de graduação e três de pós-graduação. Já em Caçapava, são cinco cursos de graduação e quatro de pós-graduação. Nos dois campi, as aulas de pós-graduação devem ser mantidas, ainda que, em Caçapava do Sul, a coordenadora administrativa, Carolina Sampaio Marques, tenha garantido que cada programa de pós tem liberdade para avaliar se prefere parar. 

De 39 cidades na região, apenas duas ainda não decretaram situação de emergência

De acordo com o boletim epidemiológico publicado no final da tarde da última quinta-feira, no Rio Grande do Sul são 81 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus. Pelo menos 83 já foram descartados e permanecem os 4 confirmados - dois em Porto Alegre, um em Caxias do Sul e um em Campo Bom.

OUTRAS INSTITUIÇÕES
Na tarde desta quarta-feira, a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) divulgou as medidas que a instituição recomenda aos alunos, docentes e servidores. O calendário acadêmico está mantido, mas a instituição recomendou a suspensão de viagens internacionais e de reuniões ou eventos com público superior a 100 pessoas. Outras medidas de higiene, como a manutenção de locais fechados com janelas abertas, também foram recomendadas. 

Em complemento a nota, a UFSM também divulgou um vídeo (abaixo), onde o reitor Paulo Afonso Burmann, reafirma as medidas de cuidado para evitar o contágio. 

Outras instituições de ensino superior no Estado, assim como a Unipampa, já suspenderam as atividades de ensino. É o caso da Escola Superior de Marketing e Propaganda (ESPM-Sul), que informou a comunidade sobre a mudança ainda na quarta-feira. Nesta quinta-feira, a Universidade Federal de Pelotas (Ufpel) também cancelou as atividades, a partir da próxima segunda-feira e pelo período mínimo de três semanas. 

CONFIRA AS MEDIDAS PREVENTIVAS INDICADAS PELA UNIPAMPA

  • Sempre que possível, manter janelas abertas para que os ambientes sejam arejados naturalmente.
  • Disponibilizar álcool-gel 70% nos ambientes internos e entradas dos prédios.
  • Cancelar viagens não essenciais (dentro do país e para o exterior) de docentes, discentes e técnico-administrativos até que o cenário se mostre favorável.
  • Aos servidores que retornaram de viagens ou que estiveram próximos de casos confirmados, prováveis ou suspeitos, mesmo que assintomáticos, é indicada quarentena produtiva (14 dias) com atividades de acordo com o planejamento acordado com a chefia imediata. Esses casos devem ser monitorados junto ao serviço de saúde mais próximo do servidor, o qual pode ser localizado pelo aplicativo Coronavírus - SUS.
  • Pessoas que retornaram de viagens ou que estiveram próximas de casos confirmados, prováveis ou suspeitos, mesmo que assintomáticas e em quarentena, receberão orientações preliminares para permanência no domicílio e deverão utilizar o telefone 136 e o aplicativo Coronavírus - SUS, do Ministério da Saúde ou 150 da Secretaria Estadual da Saúde/RS, em caso de dúvidas e aparecimento de sintomas.
  • Servidores ou alunos que pertençam aos grupos vulneráveis às formas mais graves (idosos, cardiopatas, pneumopatas, nefropatas, diabéticos, oncológicos e imunossuprimidos em geral), mesmo quando não retornados de viagens, poderão ter modificado o regime de trabalho, mediante comprovação, e a distribuição de atividades acadêmicas de acordo com organização dos campi.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190