em santa maria

Abril já é o segundo mês com mais internações e mortes por Covid-19

Índices tiveram queda em relação a março, quando houve um pico da doença, mas continuam altos

18.357
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)


Foto: Renan Mattos (Diário)

Depois de enfrentar o pico da pandemia no mês de março, Santa Maria tem queda no número de óbitos e de novas internações de pacientes com Covid-19 em abril. No entanto, os números já superaram janeiro e fevereiro e seguem em um nível considerado elevado pelos especialistas, sendo o segundo mês com índices mais altos até agora. 

Com mais nove óbitos confirmados na segunda-feira, Santa Maria ultrapassou a marca das 500 mortes associadas ao coronavírus. Em abril, já ocorreram 84 óbitos na cidade, conforme dados até o dia 19. Esse número é bem inferior ao de março, quando 168 pessoas morreram vítimas da Covid-19. Mesmo faltando 11 dias até o final do mês, o médico epidemiologista da prefeitura, Marcos Lobato, considera difícil que, em abril, os dados superem o pico de março.

- Tivemos um mês (março) muito atípico. Os dados da Covid deram um salto na cidade. Os números, certamente, ficarão abaixo desse pico em abril, mas, ainda assim, são elevados. Os óbitos e as internações já são maiores do que em janeiro e fevereiro, por exemplo, quando já se tinha um aumento a 2020. Houve uma redução, sim, mas não voltou para o período que tínhamos no ano passado - destaca Lobato.

3.721 idosos de 62 anos ou mais são imunizados contra a Covid-19

Conforme o Observatório de dados da Covid da UFSM, o único índice em que abril permanece abaixo também dos meses de janeiro e fevereiro é em casos confirmados de coronavírus (veja os dados completos abaixo). Foram 1.994 contaminações até o dia 19 de abril. Já em janeiro foram 2.989, em fevereiro 3.261 e em março 6.010.

Entre os óbitos e casos mais graves da doença, Lobato também afirma ter percebido uma mudança no perfil das pessoas. Antes, a quase totalidade desses casos era de pessoas idosas. Agora, já há mais pessoas de faixas etárias menores.

- Não se pode afirmar ao certo porque isso acontece. Pode ter a ver com a vacinação, já que estamos com boa parte dos idosos com pelo menos uma dose da vacina. Pode ser reflexo de um descuido dessa população. Também pode estar relacionado também à nova variante de Manaus, que acomete pessoas mais jovens com mais força. Não temos confirmação de que essa nova variante já circula na cidade, mas poderia ser uma hipótese - revela o médico.

INTERNAÇÕES DE PACIENTES COM COVID-19

  • Dezembro - 189 
  • Janeiro - 166
  • Fevereiro - 179
  • Março - 604
  • Abril - 190 (até o dia 19)


Fonte: Observatório de dados da Covid-19 da UFSM

RESTRIÇÕES AJUDARAM A DIMINUIR OS ÍNDICES
O médico Marcos Lobato considera que as restrições de circulação de pessoas, impostas durante a bandeira preta, foram fundamentais para que houvesse uma queda de óbitos e de internações na cidade. 

- Estudos comprovam que a maneira mais rápida e eficaz de se diminuir as contaminações e, consequentemente, óbitos é diminuir o contato e a circulação dos moradores pela cidade. É algo básico, porque o vírus é transmitido de uma pessoa para outra - sintetiza Lobato.

O prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) considera que as aglomerações em datas comemorativas estão entre os motivos que levaram ao aumento dos casos. Ele também pede que a população continue com as recomendações de prevenção e denuncie festas clandestinas. 

- Com as festas de fim de ano e o Carnaval, imaginamos que os óbitos pudessem aumentar, porque muitas pessoas não seguiram os cuidados. Esse vírus, esse inimigo invisível e traiçoeiro, está levando muitas vidas, inclusive de pessoas jovens. Nosso apelo, neste momento, é para que as pessoas sigam com os cuidados básicos, o uso de máscara e o distanciamento - afirma o prefeito. 


Fonte: Observatório de dados da Covid-19 da UFSM


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190