angústia diária

10 pacientes aguardam leito de UTI na UPA

Superlotação é uma realidade em todos hospitais da rede pública de saúde

Foto: Fabiano Marques (Diário)
Dos 10 pacientes à espera de UTI, nove tinha testado positivo para o coronavírus

A Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), que funciona como local de primeiro atendimento para quem tem sintomas da Covid-19, encontra-se novamente em situação preocupante. No local, atende-se o paciente, estabiliza e, então, realiza a transferência para a instituição de referência. Somente na terça-feira, 10 pacientes, sendo nove com testagem positiva para coronavírus, aguardavam no local por leitos de UTI.

Todos faziam uso de oxigênio e um em ventilação mecânica. Segundo assessoria de comunicação da unidade, os 11 leitos clínicos existentes no local também estavam todos ocupados.

Santa Maria registra mais seis óbitos relacionados à Covid-19 e total de chega a 629

O cenário se agrava ainda mais, pois, até as 19h08min de terça-feira as UTIs da rede pública da cidade - Hospital Universitário de Santa Maria (Husm) e Hospital Regional - operavam no limite, com 105,9% e 92,1%% , respectivamente.

Segundo a direção da UPA, a possibilidade de transferir pacientes para outras cidades que têm vagas em UTIs são feitas exclusivamente por um sistema, que é regulado pelo Estado. O mesmo avalia se o paciente tem condições de ser transferido ou não, conforme o estado de saúde.

Idosos fazem fila para garantir 2ª dose atrasada

A gerente de Atenção à Saúde do Husm, Soeli Guerra, informou que, também na terça, 38 pacientes com Covid, de diferentes municípios do Rio Grande do Sul, solicitavam leitos ao hospital. Desses, 20 necessitavam de leitos de terapia intensiva.

- Não há um dia em que não temos solicitação de leitos, e isso acontece em outros hospitais públicos também. O sistema atualiza o tempo todo, mas não há trégua. Temos 20 vagas de UTIs lotadas com pacientes com coronavírus. Mas, se tivéssemos mais 20, estariam cheias também. É uma tristeza todos os dias nossas equipes terem de escolher um, de uma fila de espera com vários outros, para internar. E sem falar de pessoas com outras doenças que também precisam de UTIs, pois essas também seguem lotadas e precisando de mais estrutura. É uma angústia diária - desabafa.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190