josé mauro batista

Proposta do Novo mexe com salários mais altos no Estado

Intenção é aumentar alíquotas até 24% para servidores que recebem acima de R$ 30 mil

18.309

Foto: divulgação

O Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Sul (Ipergs), autarquia responsável pelas aposentadores dos servidores estaduais, arrecada R$ 6 bilhões em contribuições, porém, gasta três vezes mais. A constatação é do Novo, partido do deputado estadual santa-mariense Giuseppe Riesgo, que pretende comprar briga com a chamada elite do funcionalismo público gaúcho. A bancada do Novo apresentou uma emenda revisando a tabela das alíquotas previdenciárias propostas no pacote de reformas enviado pelo governador Eduardo Leite (PSDB).

Câmara tem dois projetos proibindo carroças em Santa Maria

As mudanças mexem no bolso dos servidores estaduais do chamado "alto escalão". "Enquanto o governo propôs faixas salariais que contribuíam entre 14% e 18%, propomos que estas alíquotas cheguem até 24% para servidores que recebem acima de R$ 30 mil.

Pela proposta, servidores que recebem mais de R$ 15 mil passarão a contribuir com pelo menos 18% dos seus vencimentos. As alíquotas mais altas chegarão a 24% para aqueles que recebem acima de R$ 30 mil. Se aprovada, a receita do Novo atingirá civis e militares, incluindo aposentados dos Três Poderes. Mesmo que não passe, aguçará o debate.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190