covid-19

Prefeitura protocola projeto que autoriza compra de vacinas

Na Câmara, parlamentares também discutiram o enfrentamento da pandemia nesta quinta-feira

Foto: reprodução

As duas principais casas políticas de Santa Maria, a Câmara e a prefeitura, trataram, nesta quinta-feira, de um mesmo tema: o enfrentamento à pandemia do coronavírus. Assim, projetos - de Lei e outros de sugestão - estavam na chamada da ordem do dia dos parlamentares. Sendo que dois deles se encontravam para discussão única e votação e em regime de urgência. Ou seja, eles seriam apreciados e levados à votação pelos políticos. Ambos tinham como objetivo o combate à Covid-19.

Um deles é o que mobilizou quase três centenas de médicos, nos últimos dias, em um manifesto público para que o poder público disponibilize a distribuição do mix farmacológico àqueles que tenham sido acometidos pela doença.

A outra matéria, de autoria da vereadora Luci Duartes (PDT), pede com que professores e funcionários da rede de educação pública (municipal e estadual) e privada sejam priorizados para receber o imunizante. O que, segundo ela, condicionaria a retomada das aulas.

Jorge Pozzobom diz que 'dinheiro não será problema' na compra de vacinas

Por parte do Executivo municipal, o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) protocolou, também nesta quarta, um Projeto de Lei (PL), que autoriza o poder público, a comprar vacinas para o combate à Covid-19 "caso a cobertura imunológica prestada pelos governos federal ou estadual seja considerada insuficiente de acordo com as legislações pertinentes".

O projeto é um desdobramento de uma ação recente do governo Pozzobom, que, nesta semana, aderiu à Frente Nacional dos Prefeitos (FNP). Em anexo, o governo reforça que a gestão municipal busca junto com o Consórcio Intermunicipal da Região Centro (Circ), que se articula para reunir verbas para adquirir mais doses. O PL foi protocolado em regime de urgência, destacou Pozzobom.

Em Santa Maria, manifesto de mais de 200 médicos pede tratamento precoce

DEMAIS INICIATIVAS
Também devem entrar na pautas, nos próximos dias, projetos de outros vereadores sob a esteira dos acontecimentos da pandemia. Um deles é o de autoria conjunta dos parlamentares Alexandre Pinzon Vargas (Republicanos) e Ricardo Blattes (PT), que pedem também prioridade de vacinação aos profissionais da segurança pública. Assim, estariam contemplados integrantes da Guarda Municipal, Polícia Civil, Brigada Militar, Polícia Rodoviária Federal, profissionais da Susepe, Bombeiros, agentes de Fiscalização Municipal, Polícia Federal. 

CARTA
Nesta quinta-feira, governadores de Estados - incluindo Eduardo Leite (PSDB) - encaminharam ao presidente Jair Bolsonaro um abaixo-assinado para imediata adoção das providências necessárias a fim de viabilizar a obtenção de novas doses de imunizantes contra a Covid-19.



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190