privatização

Extinção de plebiscito para privatizar Corsan avança na Assembleia

Projeto foi aprovado por comissão e será votado pelos deputados estaduais

Foto: Imagem: reprodução

O projeto que extingue a necessidade de plebiscito para a privatização da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) foi aprovado pela Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (AL-RS) nesta quinta-feira.

Após a votação, que terminou com placar de oito votos a três, a proposta de emenda à Constituição (PEC) estadual tem caminho livre para votação no plenário da casa.

A matéria deve ser discutida pelo Colégio de Líderes da AL-RS na próxima terça, ou em 27 de abril. Existindo acordo para análise da PEC, as votações devem ocorrer nas terças-feiras das semanas seguintes. São necessários 33 votos favoráveis entre os 55 deputados, em dois turnos, para aprovar a emenda.

Carla Kowalski participa de livro sobre alzheimer

Além da Corsan, o texto prevê a derrubada de plebiscito para eventuais vendas do Banrisul e da Companhia de Processamento de Dados do Estado (Procergs).

Em 18 de março, o governador Eduardo Leite (PSDB) anunciou a venda de ações da empresa à iniciativa privada. Com isso, o estado deixará de ser acionista majoritário da companhia, que é uma sociedade de economia mista de capital aberto.

A Corsan é responsável pelo fornecimento de água e o tratamento de esgoto de 317 dos 497 municípios do estado. Ao menos 250 cidades contratantes dos serviços da empresa divulgaram uma nota pedindo a suspensão do projeto que derruba a exigência de plebiscito.

(Colaborou Gabriele Bordin)


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190