reforço

Iniciativas para denunciar violência doméstica surgem durante pandemia

Cidade tem 17 farmácias cadastradas na Campanha Máscara Roxa. Saiba onde procurar por ajuda

18.389
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)

Foto: Renan Mattos (Diário)

De modo geral, os indicadores apontam que o índice de feminicídios no Brasil cresceu 22,2% nos primeiros meses de isolamento social. No início de março, a ONU já havia alertado para o alto risco de violência contra meninas e mulheres em casa. Foi pensando nisso que diversas iniciativas surgiram para intensificar o combate a esse tipo de violência, em especial neste momento de pandemia.  Em Santa Maria, alguns indicadores de violência contra a mulher caíram, nos cinco primeiros meses deste ano, mas as agressões e ameaças ainda existem. 

Taxa de ocupação de leitos de UTI cai em Santa Maria e região

Segundo os indicadores da Secretaria de Segurança Pública (SSP), os crimes de violência contra à mulher em Santa Maria apresentaram redução, em comparação com o mesmo período analisado. Os assassinatos de mulheres em contexto de gênero tiveram redução de 33,3% - a cidade registrou um feminicídio em 2020. Outros registros envolvendo violência doméstica tiveram queda, como ameaças (12,81%), lesões corporais (18,16%) e feminicídio tentado (50%). Por outro lado, houve aumento de 62,5% nos casos de estupro no município. 

Husm realiza teste de novo sistema de monitoramento da temperatura corporal

No Rio Grande do Sul, o Comitê Gaúcho ElesPorElas, da ONU Mulheres, lançou a Campanha Máscara Roxa, em que as mulheres vítimas de violência doméstica poderão denunciar casos de agressões nas farmácias que tiverem o selo "Farmácia Amiga das Mulheres", durante o período de isolamento social.

Profissionais e pacientes aderem a terapias a distância

- A ideia veio da própria ONU. Outros países já tinham desenvolvido campanhas semelhantes a essa que deram certo. A gente verificou que nesse período, as mulheres não estavam conseguindo denunciar, então houve uma queda nos números de casos registrados de violência de gênero em todo o mundo. Mas a prova de que ela está acontecendo é que os feminicídios aumentaram - explica Karen Lose, coordenadora executiva do Comitê Gaúcho Impulsor do Movimento ElesporElas.

Em Santa Maria, 17 farmácias já aderiram à campanha (veja ao lado). Os atendentes estão recebendo capacitação on-line para o procedimento e para garantir a segurança da vítima. Ao chegar na farmácia a mulher deve pedir a máscara roxa, uma senha para que o atendente saiba que se trata de um pedido de ajuda.

O profissional dirá que o produto está em falta e pegará alguns dados para avisá-la quando chegar. Após, o atendente da farmácia passará à Polícia Civil as informações coletadas, via WhatsApp, para que o órgão tome as medidas necessárias.

Outra iniciativa semelhante é a Campanha Sinal Vermelho, da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), em que a vítima, ao desenhar um "X" na mão e exibi-lo ao farmacêutico ou ao atendente da farmácia, poderá receber auxílio e acionar as autoridades. Por aqui, participam as farmácias da Rede Panvel. Porém, todos os estabelecimentos com o selo "Farmácia Amiga das Mulheres" estão aptos a agirem em situações de auxílio à denúncia.

- O isolamento social trouxe duas situações paralelas: a subnotificação de casos e o aumento da violência contra a mulher. Num primeiro momento, foi identificada essa subnotificação não só pelo sistema de Justiça, como também pela rede de atendimento e de proteção das mulheres. Nós identificamos que elas estavam impedidas de noticiar a violência dentro da residência, e pensamos em uma situação que ela não precisasse pedir o socorro pelos canais que já temos - ressalta Maria Domitila Manssur, diretora Nacional da AMB Mulheres e juíza titular da 16ª Vara Criminal da Comarca de São Paulo.

FARMÁCIAS QUE FAZEM PARTE DA CAMPANHA MÁSCARA ROXA EM SANTA MARIA

Rede Associadas 

  • Endereço - Rua do Acampamento, 66, Centro
  • Telefone - (55) 3223-1930
  • Endereço - ERS-509 (Faixa Velha), 6610, Camobi
  • Telefone - (55) 3223-8125 
  • Endereço - Praça Saldanha Marinho, 19, Centro 
  • Telefone - (55) 3222-9101

  • Endereço - Av. Rio Branco, 354, Centro
  • Telefone - (55) 3225-4563
  • Endereço - Av. Borges de Medeiros, 131
  • Telefone - (55) 3223-7600

Rede Agafarma

  • Endereço - Rua Radialista Oswaldo Nobre, 545, Juscelino Kubitschek
  • Telefone - (55) 3033-0084
  • Endereço - Av. Hélvio Basso, 1145, Nossa Senhora Medianeira
  • Telefone - (55) 3212-6079
  • Endereço - ERS-509 (Faixa Velha), 7250, Camobi
  • Telefone - 3226-1953
  • Endereço - Av. Fernando Ferrari, 1095, Nossa Senhora de Lourdes
  • Telefone - (55) 3225-3769
  • Endereço - Av. Nossa Senhora das Dores, 2412, Nossa Senhora das Dores
  • Telefone - (55) 3222-3546
  • Endereço - Rua Venâncio Aires, 448, Passo D'Areia
  • Telefone - (55) 3221-7627

  • Endereço - Rua Duque de Caxias, 3245, Nossa Senhora Medianeira
  • Telefone - (55) 3219-5033

  • Endereço - Av. Walter Jobim, 382, Patronato
  • Telefone - (55) 99156-4700

  • Endereço - ERS-509, Km 07, 5941, Camobi
  • Telefone - (55) 3026-6608

  • Endereço - Av. Presidente Vargas, 1031, Centro
  • Telefone - (55) 3225-0099

  • Endereço - Av. Ângelo Bolson, 238, Duque de Caxias
  • Telefone - (55) 3225-0099

  • Endereço - Av. Nossa Senhora Medianeira, 1321, Centro
  • Telefone - (55) 3221-7896

CAMPANHA SINAL VERMELHO

  • De acordo com a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), no Rio Grande do Sul, participam as farmácias das redes Pague Menos, Grupo Rd - Raia, Panvel, Rede Soma e Usifarma
  • Em Santa Maria, as farmácias da rede Panvel estão participando. Para saber se o estabelecimento participa, a pessoa deve procurar o cartaz da campanha, que deve estar fixado na entrada da farmácia

COMO PEDIR AJUDA

ONLINE

POR TELEFONE

  • 190 - Brigada Militar
  • Disque 180 - Central de Atendimento à Mulher
  • 181 - Disque Denúncia

PRESENCIALMENTE

  • Na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), de segunda a sexta das 8h às 18h. Ela fica na Rua Duque de Caxias, em frente à Praça Saturnino de Brito
  • Na Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA), que funciona 24 horas por dia. Ela fica na Rua dos Andradas, entre as ruas Duque de Caxias e Serafim Valandro


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190