solidariedade

Coletivo arrecada dinheiro para funeral de transexual assassinada

São necessários cerca de R$ 7 mil para o velório e sepultamento

18.398
Foto: Foto: Arquivo Pessoal


Foto: Arquivo Pessoal

O Coletivo Voe, ligado à causa LGBTQ+ em Santa Maria, está arrecadando dinheiro para o velório e sepultamento da transexual Veronica Oliveira, 40 anos, assassinada a facadas na madrugada desta quinta-feira.

Tanto o Voe como outros coletivos de Santa Maria estão empenhados em auxiliar na liberação do corpo que está no Instituto Médico Legal e organizar o funeral. De acordo com o grupo, são necessários cerca de R$ 7 mil para o velório e sepultamento. Qualquer doação de valor é bem-vinda. O velório de Veronica será na capela 2 do Hospital de Caridade às 19h.

  • Banco Inter
  • Agência: 0001
  • Conta: 3848191-0
  • CPF: 034.597.660-69
  • Nome: Gabriela Rozek Weber

Morte de transexuais não são enquadradas na lei do feminicídio

O CASO
De acordo com a Brigada Militar, o caso aconteceu às 3h30min desta quinta na esquina da Avenida Borges de Medeiros com a Avenida Presidente Vargas. Quando os policiais militares chegaram no local, a vítima estava inconsciente e com um ferimento causado por faca no abdômen. Ela foi socorrida pelo Samu e encaminhada ao Hospital Universitário de Santa Maria (Husm) em estado grave.

De acordo com o delegado Gabriel Zanella, o suspeito do crime ainda não foi identificado. O delegado afirma que a vítima estava acompanhada de mais duas mulheres. Um homem teria chegado de carro no local e solicitado um programa sexual. As três mulheres não aceitaram o valor que ele teria oferecido e, neste momento, uma discussão começou.

- Em um dado momento, o homem foi até o interior do automóvel, sentou no banco do motorista e tentou esconder uma arma branca (faca ou estoque). Nesta ocasião, mudou repentinamente de comportamento, tendo parado de proferir xingamentos. Quando iniciou a saída do local com o automóvel, desferiu um golpe de arma branca no abdôme da vítima, que estava parada na rua - afirma o delegado. 

A polícia está buscando imagens de câmeras de segurança nas imediações.

TERCEIRA VÍTIMA TRANS  

Verônica Oliveira é a terceira transexual assassinada neste ano na cidade. No dia 7 de setembro, Carolline Dias, 27 anos, foi morta com um tiro nas costas. O assassinato de Carolline também ocorreu na esquina das avenidas Presidente Vargas e Borges de Medeiros. Uma pessoa foi indiciada pelo crime e está na Penitenciária Estadual de Santa Maria (Pesm). 

No dia 13 de setembro, Mana, 37 anos, foi morta a facadas por dois homens. O crime aconteceu na Zona Oeste e a dupla autora também está na Pesm. Depois dos dois assassinatos, um protesto foi organizado no Centro pedindo Justiça pelas duas mortes e defendendo o fim da homofobia. Veronica Oliveira participou do ato. 

*Colaborou Janaína Wille


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 

© 2021 NewCo SM - Empresa Jornalistica LTDA


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7188
(55) 3213-7190