luto

Morreu Clenir Cervi

O santa-mariense era tão apaixonado pelos números que cursou economia e administração na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

18.398

O aposentado Clenir Cervi era filho de Guido Cervi e Nilda Trevisan Cervi, falecidos, e irmão de Beth e Sérgio. Da união com Beronice Barboza Cervi, 72 anos, vieram os filhos Giovanni, Giuliano, Fabiano e Félix. Clenir era avô de Lorenzo, Luiza e Pietro. 

 O santa-mariense era tão apaixonado pelos números que cursou economia e administração na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

 Giovanni lembra da dedicação que o pai tinha com a profissão, tanto que ele não costumava tirar férias ou folgas. De acordo com o filho, a responsabilidade e o amor pelo trabalho tão característicos de Clenir, foi transferido aos filhos.

 - Caráter e honestidade são virtudes que herdei dele - comenta.


 A personalidade carinhosa de Clenir é recordada por todos que o conheciam. Conforme a nora Juliane Ravanello Cervi, 47, a bondade, com certeza, será a principal lembrança do sogro.

 - Ele era bem-humorado. Dedicado aos netos e filhos. Um exemplo - diz.

O maior amor de Clenir era Beronice. O casal completou 50 anos de união em dezembro de 2019. A comemoração foi festejada com a família e amigos.

A viúva guarda na memória cada momento compartilhado:

 - Ele era um marido excelente, um pai exemplar e um avô espetacular.

Clenir Cervi morreu em 7 de janeiro, aos 78 anos, em decorrência de complicações de um câncer pulmão. Ele foi sepultado no dia seguinte, no cemitério Santa Rita, em Santa Maria.





fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190