contatos Assine
obituário

Morreu baiano Manoel dos Santos

12 Março 2018 11:30:00

O baiano que adorava animais e cuidava da família com muito amor. Confira outros falecimentos em Santa Maria e região

Fotos: Arquivo Pessoal

Durante 13 anos, o baiano Manoel dos Santos, 56 anos, foi casado com a empresária Izabel Cristina da Silva dos Santos, 50. Os dois se conheceram na casa da irmã de Izabel, no Bairro Passo D'Areia, em Santa Maria. Eles se apaixonaram à primeira vista e, desde então, nunca mais se separaram. Juntos, os dois tiveram dois filhos: Ismael, 13, e Manoela, 9. O grande sonho de Santos era levar o primogênito ao estádio do Grêmio, seu time do coração. Fanático, ele não perdia um lance do time pela televisão. Atualmente, o casal e as crianças moravam na Vila Natal, no Bairro Noal, região centro-oeste da cidade. 

- O Manoel era um excelente marido. Está muito difícil continuar a minha vida sem ele. Todos os finais de tarde, ele me esperava com um bom mate e um enorme carinho para conversarmos - emociona-se a mulher, Izabel.

Conforme a empresária, Santos cuidava de todas as tarefas da casa enquanto ela estava no trabalho. Desde o café das crianças até mesmo a janta e as sobremesas, tudo era ele quem fazia. Sua especialidade era a feijoada com a carne seca vinda da Bahia para a cozinha dele. Além disso, só quem cortava cebolas para as refeições era ele. Elas era cortadas tão fininhas que desapareciam no prato.

- Ele se mudou para Santa Maria em meados de 1990, a trabalho, mas chegou a viver um tempo em Porto Alegre para trabalhar no Hospital Sírio Libanês. Aqui na cidade, ele atuou como guarda noturno, no Bairro Patronato - conta Izabel.

Santos também levava, todos os dias, a filha mais nova para Escola Municipal de Ensino Fundamental Fontoura Ilha. O cachorro da família, Duke, acompanhava o tutor na ida e na volta do trajeto. Muito apaixonado por animais, Santos tinha outros dois cães e dois gatos. Os bichinhos estão sentindo a falta dele e, segundo Izabel, sobem na cama para cheirar o travesseiro do tutor.

Outro passatempo do baiano era ficar na frente de casa conversando com os vizinhos e amigos que cruzavam por lá.

- Nós éramos vizinhos de porta. Eu sou baiano também, mas só conheci o Manoel em Santa Maria. Fica a lembrança de uma grande personalidade e de que, sem amigos, não somos nada - relembra um comerciante e amigo de Manoel há mais de 15 anos, que pediu para não ser identificado.

Frequentador assíduo da Igreja Universal, na Rua Venâncio Aires, Santos participava dos cultos sempre às quartas-feiras à noite e aos domingos de manhã e lia a Bíblia todos os dias. Ele também gostava de levar a palavra de Deus aos amigos e vizinhos. Descrito como uma pessoa muito calma e pacienciosa, Santos também costumava passar os domingos na casa de um vizinho para jogar dominó ou baralho com os filhos.

- Em alguns domingos, eu precisava ligar para ele para chamá-lo para o almoço, mas ele dizia que já havia almoçado lá mesmo e continuava com os jogos o dia todo - diverte-se Izabel.

Mais caseiro, Santos saiu muito pouco de casa para viajar, mas, em fevereiro de 2018, participou com a família de uma excursão da vizinhança para o balneário de Nova Palma, onde fez churrasco, nadou com os filhos e se divertiu bastante.

Santos morreu por volta da 1h30min da manhã de 9 de fevereiro, em casa. Ele sofreu de um infarto fulminante e foi sepultado no mesmo dia, no Cemitério Ecumênico Municipal, em Santa Maria.

Morreu a confeiteira Alda Ribeiro de Paula

OUTROS FALECIMENTOS EM SANTA MARIA E REGIÃO
Funerária São Martinho

26/02
Cesar Augusto Zorso, aos 60 anos, foi sepultado no Cemitério Ecumênico Municipal, em Santa Maria

01/03
Marisa Vieira Seron, aos 53 anos, foi sepultada no Cemitério Municipal, em Uruguaiana 
Irene Mello do Nascimento, aos 63 anos, foi sepultada no Cemitério Ecumênico Municipal, em Santa Maria
Therezinha de Jesus dos Santos Pedroso, aos 79 anos, foi sepultada no Cemitério Municipal, em São Martinho da Serra
Rafael Biazus Massoco, aos 37 anos, foi sepultado no Cemitério Santa Rita, em Santa Maria

02/03
Percilia Martins Coutinho, aos 81 anos, foi sepultada no Cemitério Ecumênico Municipal, em Santa Maria

03/03
Gabriel Gonçalves Mendes, aos 16 anos, foi sepultado no Cemitério Santa Rita, em Santa Maria
Gilberto Mendes, aos 61 anos, foi sepultado no Cemitério Santa Rita, em Santa Maria

As informações sobre falecimentos podem ser enviadas para natalia.zuliani@diariosm.com.br ou pelo telefone (55) 3213-7122

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249