luto

Morreu a professora aposentada Alina Bugnotto Lampert

Ela estudou pedagogia na então Faculdade Imaculada Conceição (FIC), atual Universidade Franciscana (UFN)

18.398
Foto: Fotos: arquivo pessoal

Fotos: arquivo pessoal

A professora aposentada Alina Bugnotto Lampert, filha de Antonio Bugnotto e Agustinha Helena Gabbi Bugnotto, nasceu em Santa Maria. Ela teve cinco irmãos, Aleida Bugnotto Fernandes, Aquileu Antônio Bugnotto, falecido, Alice Maria Gabbi Bugnotto, Aleise Ines Bugnotto Pereira, falecida, e Lenir Helena Gabbi Bugnotto.

Alina estudou pedagogia na então Faculdade Imaculada Conceição (FIC), atual Universidade Franciscana (UFN). Lá, deu os primeiros passos para se tornar professora, em 1979. Logo após a formação, lecionou em escolas estaduais, como Cícero Barreto, Dom Antônio Reis e Marechal Rondon, e permaneceu na profissão até 2001.Ela foi casada por 32 anos com o corretor de imóveis Sérgio Gilberto Lampert, falecido. O casal teve um filho, Sérgio Renato Lampert, 37, e as netas Helena Rodrigues Lampert, 6, e Sofia Rodrigues Lampert, 1.

Segundo o filho Sérgio, Alina estava sempre bem-humorada, e era uma incentivadora dos filhos nos estudos. Ele tem o sentimento de gratidão pelo apoio incondicional, amor, cuidado e carinho dados pela mãe.

- Ela era uma mãe muito cuidadosa e preocupada com o meu bem-estar - comenta o filho.

Alice sente saudades da companheira de todas as horas, e lembra da personalidade simpática e carismática da irmã.

- Ela ficará eternamente em nossa memória. Era prestativa e bastante presente em nossas vidas - diz Alice.

No tempo livre, a aposentada se dedicava ao lazer e amava assistir televisão e tomar o tradicional chimarrão. Além disso, gostava muito de conversar. Brincar com as netas era o que ela mais gostava de fazer.A aposentada também tinha o hábito de fazer crochê, bem como de manter a forma física em dia. Para isso, semanalmente, frequentava aulas de yoga e hidroginástica.

Alina Bugnotto Lampert morreu, aos 76 anos, em 9 de novembro de 2020, devido à síndrome da angústia respiratória grave e infecção por coronavírus, não especificada. Ela foi sepultada no mesmo dia, no Cemitério Ecumênico Municipal de Santa Maria.



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190