#portodosnós

VÍDEO: venda por canais digitais é aliada em farmácia de manipulação

Mais Viva Pharma é uma das várias empresas que precisaram se reinventar durante o período de pandemia

Diogo Brondani

Foto: Diogo Brondani (Diário)

Não são raros os exemplos de empresas que precisaram mudar estratégias para se manter em atividade após a pandemia de coronavírus trazer prejuízos econômicos. Com diminuição de receita, reinventar-se é a palavra que passou a fazer parte da rotina de muitos profissionais. Na Mais Viva Pharma, farmácia de manipulação, a principal mudança foi a de ter um olhar mais focado para a venda através dos canais digitais. 

- Fortalecemos o atendimento pelo Facebook, Instagram e WhatsApp, onde o cliente faz o seu pedido e nós enviamos por tele-entrega. Isso foi indispensável para mantermos o nosso quadro de colaboradores e o faturamento, além de fazer com que os medicamentos cheguem aos clientes, já que muitos ainda estão com receio de sair de casa - destaca a farmacêutica Juliana Pinto Mascarenhas.

Foi essa simples ação que permitiu a manutenção dos empregos dos colaboradores da Mais Viva Pharma, uma empresa local que abriu as portas há pouco mais de um ano. Além disso, garantiu a permanência da consultora de vendas Rafaelle Wilke Machado, que começou a trabalhar na empresa dois dias antes do decreto municipal que fechou os estabelecimentos.

- Em meio a um cenário de empresas demitindo e até fechando as portas, tive uma oportunidade e consegui o meu emprego e ainda permanecer nele. Tenho orgulho de trabalhar em uma empresa local. No entanto, é um momento em que precisamos muito do apoio da comunidade, assim como todos os demais comerciantes que necessitam manter a empresa e os empregos de seus funcionários. É preciso pensar de forma global, mas valorizar o local - diz a consultora.

Além das redes sociais, o e-commerce feito a partir do site da empresa também está sendo uma ferramenta essencial para vendas durante o momento de pandemia.

CUIDADOS NA LOJA
Em função da pandemia, medidas precisaram ser tomadas visando a segurança da equipe da farmácia e, também, dos clientes que vão até o local. O uso de máscaras e a constante higienização com álcool gel, disponível em diferentes pontos do estabelecimento, são algumas delas. Além disso, houve uma readequação no número de colaboradores na loja. 

- Trabalhamos em um local amplo e arejado. É mantida uma distância de segurança entre todos, colegas e clientes. Mesmo assim, para evitar o acúmulo de pessoas, parte da equipe está trabalhando de casa - destaca Juliana.

REFLEXOS
Um fato que foi percebido pelos profissionais da Mais Viva Pharma durante a pandemia do coronavírus, principalmente por parte daquelas pessoas que estão mais reclusas, é quanto ao tipo de medicamento procurado. 

- Quando se trata de produtos manipulados, sabemos o quanto as pessoas usufruem do benefício de diversos desses medicamentos. No entanto, foi possível perceber que houve um grande aumento da procura daqueles para o fortalecimento da imunidade, como suplementos, bem como aqueles para o combate ao estresse, o que mostra que as pessoas estão vivendo uma situação de medo e insegurança em casa. Outro tipo observado é em relação aos emagrecedores, o que mostra que as pessoas estão deixando de lado as atividades físicas e exagerando na alimentação - destaca a profissional, salientando que é preciso minimizar o medo e focar nos cuidados preventivos para fortalecer a saúde.

MAIS VIVA PHARMA

  • Atuação - Farmácia de manipulação
  • Fundação - 2018
  • Empregos diretos - 15
  • No digital - FacebookInstagram ou site 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190