pet

VÍDEO: quem são os 'cães curiosos' que chamaram a atenção do público no Brique da Vila Belga

Caio, Apollo e Trevor moram na casa que fica na Rua Manuel Ribas e, em dias de movimento, observam quem passa pelas janelas

Leonardo Catto
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)
Trevor (da esquerda para direita), Apollo e Caio foram fotografados por quem passou pelo Brique da Vila Belga no domingo e se encantou com o trio

Foto: Renan Mattos (Diário)
Trevor (da esquerda para direita), Apollo e Caio foram fotografados por quem passou pelo Brique da Vila Belga no domingo e se encantou com o trio

Quem passava pela Rua Manuel Ribas, no Brique da Vila Belga do último domingo, tinha atrações que não tomavam a rua há um ano e meio. A retomada, contudo, teve mais elementos além da nostalgia. Ao passar pela casa 1.981, três moradores praticamente cumprimentavam o público sem falar. Ou latir. Trevor, Apollo e Caio conquistaram a atenção e o Instagram dos santa-marienses.


Divulgadas nesta terça as composições classificadas para o Festival de Músicas Carnavalescas e MPB

Há pouco mais de um ano os tutores dos três se mudaram para a casa. O mais velho do trio é Caio, com dois anos. Ele é uma cruza de Chow Chow com Boder Collie e foi adotado ainda quando filhote. Ele vivia com uma família de recicladores. A casa em que moravam pegou fogo. Dos cachorros, apenas ele e mais um sobreviveram. Os dois foram colocados para adoção.

- Em uma segunda-feira, a Somos Pet postou a foto. Na quarta, já fui buscar. Me apaixonei na hora. Fazia tempo que eu e o Pedro estávamos procurando um cachorro - conta a tutora Melysse Aguiar Ribeiro, 19 anos.

Foto: Renan Mattos (Diário)

Curso de panificação e confeitaria é ofertado a integrantes das cozinhas comunitárias

Ela e o namorado, Pedro Henrique Marques Dalmolin, 18 anos, também são tutores do Apollo, um American Bully Classic de um ano e cinco meses. A brincadeira favorita dele é, sem dúvida, cabo de guerra com qualquer corda. Apollo larga os brinquedos, porém, se tem chance de ficar perto da gaiola do hamster que também divide a casa com eles. Apesar de parecer perigoso diante do pequeno roedor, nunca lhe fez mal. O máximo são algumas lambidas.

Foto: Renan Mattos (Diário)

ESPERANDO NA JANELA
Quem puxa o trio para o parapeito é Trevor, um American Pit Bull Terrier de um ano. Dos três, ele é o maior, mas age como bobo quando vê alguém. E foge no primeiro sinal de um violão. Os tutores de Trevor são Bernardo Beltrame, 25 anos, e Thayna Scalco, 18. Foi com a "mãe" que Trevor aprendeu a observar a janela.

- Quando a gente morava em apartamento, ensinei ele a olhar pela janela e "contar as fofocas". Ele volta uivando daí - brinca Thayna.

Foto: Renan Mattos (Diário)

Prorrogadas até quarta as inscrições para o Concurso da Semana Geek Sesc

Trevor tem 156 seguidores no Instagram. Depois de ele muito figurar em fotos, Apollo e Caio também ganharam um perfil compartilhado na rede. Quando não estão passeando, o trio se posiciona nas janelas. Assim estarão no próximo brique, do mesmo jeito  que conquistaram que passou pela Vila Belga no último domingo. Para a próxima vez, os tutores planejam colocar as plaquinhas com '@modo.trevor" e "@apollo_caio" para que os pedestres os mencionem nos stories.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 

© 2021 NewCo SM - Empresa Jornalistica LTDA


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7188
(55) 3213-7190