solidariedade

Projeto lança plataforma para captar verba para ONGs da cidade

As doações podem ser mensais ou única, com valores a partir de R$ 5

18.409

Foto: Renan Mattos (Diário)
Lar Vila Itagiba é uma das instituições vinculadas ao projeto 

A Sou Parte, empresa vinculada à Incubadora Tecnológica da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), lançou neste mês uma plataforma online para captar recursos para Organizações não Governamentais (ONGs) e causas sociais de Santa Maria. O projeto foi idealizado por Mari Luana Pozzobon, 23 anos, e pelo professor Luciano Mattana, do departamento de Comunicação Social da universidade.

Segundo a criadora do projeto, o objetivo principal é conectar ONGs e a comunidade por meio de assinaturas, para que a doação seja recorrente, já que boa parte dos projetos sociais do município dependem quase que unicamente de doações espontâneas. Mari Luana, que se formou em Relações Públicas e estuda Publicidade, comenta que diante do cenário da pandemia, as instituições beneficentes perderam fontes de renda. Por isso, é possível que elas procurem a plataforma e que haja a indicação da comunidade.

- O projeto tem a missão de prestar assistência financeira às instituições beneficentes e projetos que visam o bem comum para que haja menos desigualdade social e mais pessoas fazendo sua parte. Dentro da plataforma, há a possibilidade de você indicar novos projetos para serem cadastrados - explica.

Vacinação para idosos com 60 anos ou mais será neste sábado em Santa Maria

COMO FUNCIONA
Para realizar uma doação, a partir de R$ 5, você só precisa acessar o site do projeto, fazer um breve cadastro e escolher o valor e a ONG para qual deseja doar. As doações funcionam como uma assinatura mensal, via cartão de crédito, para doar todos os meses ou doação única por cartão de crédito, boleto ou Pix.

ONGs CADASTRADAS

A plataforma já lançou a primeira versão do sistema há duas semanas, e está recebendo os primeiros doadores. Mesmo em constante desenvolvimento, as funções centrais do site já estão funcionando muito bem. Atualmente, há duas instituições cadastradas, a Estação dos Ventos e o Lar Vila Itagiba. A relações públicas do Vila Itagiba, Karoline Arend (foto ao lado), conta que o lar de idosos foi contatado pelo projeto e a ideia foi aprovada. Ela comenta que, apesar da instituição contar com financiamento de parte da aposentadoria dos idosos e doações, falta verba para melhorias. Segundo Karoline, a demanda financeira da instituição gira em torno de R$ 60 mil por mês.

- A proposta trata de doações recorrentes. E isso possibilita que nós tenhamos mais segurança em saber que recursos vão entrar todo o mês, e possibilita que a gente possa investir em novos espaços, em melhorias na instituição, com a certeza de que teremos esse recurso financeiro - afirma.

Prédio do Clube Caixeiral poderá ser vendido por até R$ 15 milhões

TRANSPARÊNCIA
A transparência de aplicação dos recursos doados é uma das principais funções que os usuários poderão encontrar na plataforma, um fator determinante para que as pessoas se sintam seguras em doar usando a Sou Parte. O projeto busca ajudar causas e organizações sociais, oferecendo ao morador local a oportunidade de ajudar a quem está próximo. Assim, o doador poderá, inclusive, monitorar mais de perto o uso dos recursos doados.

Para as instituções:

  • Acesse SouParte.org
  • Navegue livremente e, quando estiver seguro, escolha uma ONG ou causa
  • Escolha o valor que deseja assinar
  • Finalize o cadastro rápido
  • Escolha a forma de pagamento (Cartão de Crédito, Pix ou Boleto)


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190