ajuda

No Lar das Vovozinhas, expectativa é por receber recursos federais

Entidade abriga 150 idosas em Santa Maria

18.404
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)

Foto: Renan Mattos (Diário) 

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Lar das Vovozinhas, que abriga 150 idosas em situação de vulnerabilidade social, foi contemplado com um programa do governo federal que vai distribuir R$ 3,5 milhões para 26 instituições de longa permanência para idosos em todo o país. Na prática, o recurso será liberado pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). No entanto, até o momento, a direção do Lar das Vovozinhas não sabe quanto e nem quando receberá parte do dinheiro.

A entidade, que tem um custo mensal que gira em torno de R$ 350 mil passa por sérias dificuldades financeiras, já que a contribuição oriunda do benefício das residentes rende cerca de R$ 150 mil por mês. A chegada da Havan para Santa Maria, que se instalou em um terreno da instituição, minimizou o passivo, com o pagamento adiantado de R$ 780 mil referentes a dois anos de aluguel. Mesmo assim, hoje, segundo a direção, a dívida do Lar gira em R$ 1,3 milhão.

Região de Santa Maria segue com bandeira laranja, mas 75% do RS vai para vermelha

A explicação decorre do alto custo da folha salarial, além da compra de medicamentos e outros insumos para as idosas. Atualmente, trabalham no lar 40 técnicos em enfermagem, 7 enfermeiros, um terapeuta ocupacional, uma psicóloga, um médico clínico, uma psiquiatra, duas assistentes sociais, uma advogada, uma fisioterapeuta, uma nutricionista, além da equipe de apoio da limpeza.

- Estamos com uma grande expectativa com esse dinheiro e com a possibilidade da gente melhorar a estrutura do Lar. Uma coisa que a gente quer investir é com a transparência. Queremos montar um sistema que demonstre o nosso gasto, que mostre a nossa realidade - relata a vice-presidente da instituição, Liliane Duarte .

Famílias de estudantes da rede municipal receberão 35 toneladas de alimentos

PANDEMIA
Os efeitos do novo coronavírus não ficaram restritos à paralisação das visitas no Lar - embora apenas 39 das 150 residentes recebam o carinho da família. Pelas medidas de isolamento social, além da diminuição das doações de pessoas físicas ocasionadas pela crise econômica, o Lar deixou de receber trabalhos voluntários que era importante para oferecer uma melhor qualidade de vida para as idosas. 

COMO POSSO AJUDAR? 
O lar aceita doações de materiais de limpeza, comida e insumos diretamente na portara. A instituição fica na Av. Hélvio Basso, 1250, ao lado da Havan

Qualquer valor pode ser depositado nas seguintes contas: 

Sicredi

  • Agência - 0434
  • Conta Corrente - 82077-6
  • CNPJ - 95.623.617/0001-70

Banco do Brasil

  • Agência - 0126-0
  • Conta Corrente - 6204-9
  • CNPJ - 95.623.617/0001-70

Banrisul

  • Agência - 0353
  • Conta Corrente - 060058700-0
  • CNPJ - 95.623.617/0001-70


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190