fiscalização

Força-tarefa para fiscalizar aglomerações será reforçada durante o Ano Novo

Mês de dezembro bateu recordes negativos da pandemia de coronavírus em Santa Maria

Mauricio Araujo

Foto: Renan Mattos (Diário)
Fiscalização será reforçada neste feriadão de Ano Novo

É consenso geral que as pessoas estão mais carentes de abraços e cansadas da nova realidade imposta pela Covid-19. Mas, mesmo assim, a única alternativa para frear a pandemia é seguir os protocolos de saúde, como usar máscara e manter o distanciamento social. Festas clandestinas, aglomerações em vias públicas ou em outros espaços estão proibidas, e quem desrespeitar poderá enfrentar as consequências da lei e da própria doença. A força-tarefa de fiscalização da prefeitura de Santa Maria, bem como a Brigada Militar, estará de plantão e será reforçada durante todo o feriado para conter as irregularidades. O superintendente da Guarda Municipal, Santo Cordeiro, apela para a consciência individual das pessoas: 

Feriadão de Ano Novo muda horários de comércio, bancos, saúde e coleta de lixo

- Toda população está estressada devido à pandemia, sabemos disso. Mas precisamos que entendam que estamos em um momento crítico e que requer atenção redobrada para os protocolos de segurança. Não é a hora de aglomerar - destacou o superintendente.  

De acordo com a controladora geral do município, Carolina Lisowski, a força-tarefa tem atuado praticamente todos os fins de semana para combater as aglomerações, bem como dispersar as festas clandestinas.

- Pedimos que durante as reuniões familiares, as pessoas atentem para os protocolos, mantenham distanciamento, diminuam o contato físico e deixem as janelas abertas para ventilação. Em relação às aglomerações nos espaços públicos, a força-tarefa atuará para coibir as aglomerações - afirmou Carolina. 

Após quase 90 dias, foram aplicadas três multas por não uso de máscara em Santa Maria

O cuidado deve ser redobrado, ainda mais se considerar os números de dezembro, quando quatro índices bateram recordes negativos: o número de mortes chegou a 35; a taxa de ocupação de leitos registrou 92,3%; os casos confirmados neste único mês ultrapassaram os 2,5 mil; e os casos ativos da doença atingiram 1.649.

ONDE DENUNCIAR

  • Guarda Municipal (153) - aglomerações em via pública, festas clandestinas, situações que se caracterizem como comércio ou eventos irregulares  
  • Brigada Militar (190) - denúncias que envolvam o sossego público, barulho excessivo nas residências durante as celebrações do Ano Novo


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190