santa maria-porto alegre

Em maio, moradores poderão opinar sobre pedágios e duplicação da RSC-287

Audiência pública ocorre ocorrer em Santa Maria em 6 de maio

Deni Zolin
Foto: Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)

Santa Maria foi escolhida pelo governo do Estado para sediar a única audiência pública que será realizada para tratar da concessão para pedágios e duplicação da RSC-287, da saída da cidade até Tabaí. A reunião será numa segunda-feira, dia 6 de maio, das 14h30min às 17h30min, no Park Hotel Morotin, na Faixa Nova de Camobi - ironicamente, a audiência será num hotel que fica às margens justamente do único trecho da RSC-287 que ficou fora do projeto de concessão, o que ainda poderá ser mudado, dependendo da pressão da comunidade e de análises técnicas. A retirada do pedágio entre Santa Maria e a Quarta Colônia e a construção de terceiras faixas na rodovia, antes da duplicação, devem ser outros pedidos feitos por lideranças de Santa Maria e região.

PARA PARTICIPAR
Segundo o edital publicado pelo governo do Estado, o público precisará se cadastrar no início do evento, informando nome completo, número de documento de identidade, endereço, telefone ou e-mail e organização, instituição ou grupo que representa. Após a solenidade de instalação da audiência, o público assistirá a uma apresentação com os detalhes técnicos do projeto de concessão da rodovia para instalação de pedágios e futura duplicação. Na sequência, será aberto espaço para manifestações por escrito e ao microfone. Cada participante previamente inscrito e cadastrado terá, no máximo, um minuto para sugestões e questionamentos.

Além da audiência pública, a população já pode enviar opiniões, críticas, sugestões ou dúvidas sobre o projeto de concessão da RSC-287 para o e-mail [email protected] O prazo para a consulta via e-mail encerra dia 4 de maio. Após as análises dos apontamentos feitos, que podem ou não alterar o conteúdo final, o documento será concluído e encaminhado aos órgãos reguladores, de fiscalização e controle, resultando na publicação do edital de licitação.

Estudo indica quanto deve custar o pedágio da RSC-287, entre Santa Maria e Tabaí

O Estado estima que até agosto saia a licitação para concessão da rodovia por 30 anos. Se tudo correr bem, a expectativa é que a empresa vencedora saia até dezembro e assuma a rodovia no começo de 2020.

REUNIÃO HOJE TRATARÁ DOS PEDÁGIOS
Hoje, às 11h, em Candelária, haverá reunião de presidentes de associações comerciais de várias cidades por onde passa a RSC-287 para tratar sobre o projeto de concessão da rodovia. A intenção é discutir quais propostas de mudanças devem ser apresentadas. O presidente da Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Santa Maria (Cacism), Rodrigo Decimo, irá participar do encontro. Ele defenderá a inclusão da Faixa Nova de Camobi na concessão, para que possa ser duplicada, e avalia possível pedido de construção de terceiras faixas.

- Acreditamos que, com a duplicação de toda a RSC-287 e da Travessia Urbana, muita gente da Fronteira deixará de ir para Porto Alegre pela BR-290, de pista simples, e passará a vir pela Faixa de Rosário até Santa Maria para pegar a RSC-287 duplicada. Com isso, a Faixa Nova pode ficar ainda mais congestionada e se transformar num gargalo - diz Decimo.

De Rosário do Sul a Porto Alegre, a distância pela BR-290 é de cerca de 388 km, enquanto fazendo o trajeto por Santa Maria, a distância fica em 428 km - são 40 km a mais, o que pode ser vantajoso para quem quiser aproveitar pistas duplicadas, mas pagando pedágio. Mesmo que a BR-290 seja duplicada de Eldorado do Sul a Pantano Grande, ainda serão 273 km de pista simples de Pantano até Rosário. Já de Rosário a Santa Maria, serão só 138 km de pista simples até pegar a duplicação em direção à Capital.

Enquanto isso, lideranças de Santa Cruz do Sul defendem que o principal gargalo da rodovia, e que deveria ser duplicado primeiro, é o trecho de 22 quilômetros entre Santa Cruz e Venâncio Aires. Outro trecho bastante movimentado e que eles devem pedir a duplicação primeiro é o de Candelária até Santa Cruz.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190