ensino superior

UFSM e outras universidades suspendem aulas por causa do coronavírus

Reuniões devem definir situação nas outras instituições de ensino superior da cidade

18.398
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)


Foto: Renan Mattos (Diário)

A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) decidiu, em reunião na manhã desta segunda-feira, suspender as aulas por causa do coronavírus. A decisão passa a valer a partir da tarde de hoje, por um período de 30 dias, podendo ser ampliado. Além dela, também suspenderam as aulas a Fisma e a Ulbra. 

Leia todas as notícias sobre o coronavírus

Serão mantidas apenas funções consideradas essenciais, tais como serviços de saúde e segurança. Os servidores e bolsistas da instituição deverão conversar com os chefes e poderão realizar as atividades de casa. O funcionamento do Restaurante Universitário será definido ainda nesta segunda. A Biblioteca Central comunica que está fechada por tempo indeterminado. O prazo de devolução de materiais ficará configurado para ocorrer no dia 6 de abril de 2020, podendo ocorrer comunicado de atualização no decorrer do período.  

Com uma comunidade universitária que supera a casa das 30 mil pessoas, o reitor Paulo Burmann mostra-se preocupado e sustenta que "o momento é de se construir medidas rápidas, preventivas e assertivas" para evitar "um quadro pior":

- Estamos realmente preocupados com esta situação. Particularmente, no Brasil, nossa capacidade de resposta está sendo lenta e a capacidade de tratamento e acolhimento dos possíveis infectados graves é crítica. Se a sociedade, em seus mais diferentes níveis, não se mobilizar teremos um quadro muito sombrio - afirma.

Aulas, visitas em hospitais e eventos são cancelados por prevenção ao coronavírus

Outra preocupação da UFSM é com a União Universitária. Os cerca de 190 alunos que estão no alojamento provisório devem ser encaminhados para as vagas definitivas na Casa do Estudante nos próximos dias. 

Os Restaurantes Universitários (RU) também estarão com funcionamento restrito. Só serão atendidos alunos com Benefício Socioeconômico (BSE) ativo. Os horários de funcionamento também estarão alterados: 

RU Centro: distribuição de kits de café da manhã, almoço (das 11h às 13h15min) e janta (das 18h às 20h), de segunda a sexta-feira

RU Campus I: funcionará apenas no almoço (das 11h às 13h30min)

RU Campus II: café da manhã (de segunda a sexta, das 6h50min às 8h40min, e sábado, das 6h50min às 8h30min), almoço (apenas nos sábados, das 11h às 12h30min) e janta (de segunda a sexta, das 18h às 19h45min, e sábado, das 18h às 19h30min)

OUTRAS INSTITUIÇÕES
Ainda na madrugada deste domingo, a Fisma publicou nota suspendendo as aulas ao menos até a próxima sexta-feira.Antes disso, a instituição já havia solicitado aos discentes e servidores que evitassem comportamentos de risco, como o compartilhamento do chimarrão. 

Por volta do meio-dia, a Ulbra se somou a lista de universidades com campus em Santa Maria que suspenderam as atividades letivas. Conforme a assessoria de imprensa, as aulas devem ser suspensas até 31 de março. Após esse período, a reitoria da instituição vai reavaliar o prazo. 

A Universidade Franciscana (UFN) informou que as aulas estão suspensas a partir de terça-feira até o dia 31 de março. A instituição informa que as atividades presenciais serão em ambiente virtual ou domiciliar a partir de quinta-feira. 

A Faculdade de Direito de Santa Maria (Fadisma) informou que as aulas estão suspensas a partir desta segunda-feira. A medida é por 30 dias a contar de terça. A instituição informou que os alunos seguirão com conteúdos pela modalidade online. 

A Faculdade Palotina de Santa Maria (Fapas) mantém as aulas nesta segunda-feira. Na noite de hoje, a direção da faculdade se reunirá para decidir como ficará os próximos dias letivos.

A Antonio Meneghetti Faculdade definirá se suspenderá as aulas na terça-feira de manhã.

A Unicruz, em Cruz Alta, informou que manterá as atividades acadêmicas e administrativas, mas suspendeu todas as atividades extracurriculares. Será criado, ainda, um comitê de prevenção do novo coronavírus, bem como o monitoramento diário do andamento da rotina universitária.

No domingo, a UFRGS, maior universidade pública do Estado, comunicou a suspensão das aulas a partir desta segunda-feira até 5 de abril. Na região, Unipampa e IFFar também já suspenderam as atividades. 

Leia a nota da UFSM na íntegra: 

A Universidade Federal de Santa Maria comunica que estão suspensas as atividades acadêmicas e administrativas presenciais, em todos os campi da Instituição, a partir do dia 16 de março de 2020, por 30 dias, prorrogáveis conforme necessidade. A manutenção dessa medida será avaliada continuamente pelo Comitê Interno de Gestão da Crise do COVID-19, juntamente à Reitoria.

Ficam mantidas as funções consideradas essenciais, tais como serviços de saúde, segurança e alimentação, bem como atividades administrativas imprescindíveis, conforme orientações das Direções de Unidade. 

Durante esse período, as atividades poderão ser realizadas em ambiente virtual ou domiciliar, de acordo com recomendações e características específicas de cada unidade e seguindo parâmetros da instrução normativa a ser publicada. 

A administração da Universidade está atenta às recomendações dos órgãos e das autoridades de saúde e manterá a comunidade atualizada a respeito do assunto. A UFSM reitera que todas as medidas de prevenção devem ser reforçadas e difundidas.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190