física alternativa

Alunos da UFSM criam site de física aberto para professores e estudantes

Material tem o objetivo de democratizar a preparação para o Enem e outros processos de ingresso ao Ensino Superior

18.303
Foto: Foto: Reprodução YouTube
Conteúdos estão distribuídos em documentos, vídeos, podcasts, entre outros formatos

Foto: Reprodução YouTube
Conteúdos estão distribuídos em documentos, vídeos, podcasts, entre outros formatos

A física está em todo lugar, mesmo assim, é uma das disciplinas que exige mais estudo dos alunos que se preparam para ingressar no ensino superior. Pensando no período da pandemia, em que muitos alunos têm pouco ou nenhum acesso à internet, acadêmicos de graduação e pós-graduação da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) criaram o site Física Alternativa. Lançado na noite desta terça-feira, o site abriga conteúdos sobre Físca para auxiliar a preparação de estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e outros processos de acesso ao ensino superior.

VÍDEO: escolas ainda não têm prazo para implementar plantões pedagógicos presenciais

A iniciativa é da equipe de Física do Pré-Universitário Popular Alternativa (Pupa) em parceria com o Grupo de Estudos e Pesquisas Educação em Ciências em Diálogo (GEPECiD). São podcasts, apostila, problemas e exercícios resolvidos, análise de provas e textos de divulgação científica. Além disso, a plataforma tem uma aba direcionada a educadores. Lá, professores podem baixar e utilizar conteúdos, como leituras de apoio, propostas de aulas interdisciplinares, planos de aulas, dentre outros materiais.

Conforme o autor do projeto, Lucas Carvalho Pacheco, a ideia de expandir o conteúdo para além dos alunos do curso Pré-Universitário Popular Alternativa (Pupa) veio com a pandemia.

- Começamos a perceber que alguns alunos não tinham acesso à internet, então a gente criou conteúdo em vários formatos. Assim, aqueles estudantes que tinham acesso mais limitado poderiam baixar primeiro o documento, que gasta menos internet. Se não conseguissem entender, poderiam baixar o áudio, e assim por diante. Depois, decidimos abrir para o público em geral e minimizar as diferenças sociais na educação, uma desigualdade que já existia, mas que foi agravada com a pandemia.  

ABORDAGEM
A apostila "Há Física na cidade?" coloca em a física em termos cotidianos para os alunos. O material vem sendo reestruturado desde 2018 pela equipe de física do Pupa, com orientação do GEPECiD. Pensado para alunos de diferentes contextos, o conteúdo teve como mote a mobilidade urbana, um assunto comum a quem vive nas cidades: 

- É um assunto que está na vida de todo mundo. Por isso tratamos da poluição sonora emitida pelos ônibus, a questão das ciclovias, a diferença de temperatura nos bairros com base no asfalto, onde é mais quente, onde é mais frio, essas distorções de temperatura na cidade, discutimos a velocidade de um trem, o atrito com o solo, etc - explica Lucas, que também integra o GEPECiD.

FÍSICA ALTERNATIVA

  • O que é? Projeto de extensão com conteúdo livre sobre Física para alunos e professores
  •  Onde acessar? Clicando aqui


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190