solidariedae

VÍDEO: Santa Maria é a terceira cidade com mais destinações do Imposto Solidário no RS

Entretanto, apenas 147 das mais de mil destinações especificam a instituição beneficiada, o que deve ser feito até setembro

18.398
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)

Foto: Renan Mattos (Diário)

O Programa Municipal de Educação Fiscal (PMEF) divulgou, na última semana, os valores arrecadados pelo município pela Campanha Imposto Solidário. Os valores arrecadados somaram R$ 1.262.568,76 entre 1.006 Documentos de Arrecadação de Receitas Federais (Darfs). Entretanto, até quinta-feira, apenas 167 das destinações especificavam qual das 17 instituições devem ser contempladas. 


Uma delas foi o Lar das Vovozinhas. A pandemia do coronavírus afetou meios de arrecadação da instituição, como a festa anual, que teve que ser cancelada. Mesmo com doações, a verba do imposto é crucial.

- As instituições de longa permanência recebem doações de alimentos, material de higiene, o que é muito importante. Mas temos folha de pagamento, gás, o oxigênio que usamos aqui, medicação, isso tudo tem que ser comprado. Recebemos cestas básicas, álcool em gel e equipamentos de proteção individual, que são essenciais, mas o recurso permite que a gente banque um projeto de compra ou a folha de pagamento, o que também é acompanhado pelo Fundo do Idoso. Se não se destina o Imposto de Renda, ele vai para Brasília, depois volta, mas sem sabermos para qual projeto pode ser destinado. Com o Imposto Solidário, parte fica aqui - explica a administradora do Lar das Vovozinhas, Verônica de David Antônia.

Agora, é pedido que os responsáveis pelos Darfs identifiquem o projeto que desejam contemplar. Isso pode acontecer diretamente no site da prefeitura ou diretamente com a instituição. Para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente - que recebeu R$ 786 mil entre 626 Darfs - o prazo para especificação vai até 30 de setembro. Já para o Fundo do Idoso - que recebeu R$ 476 mil entre 380 Darfs - não há prazo, mas se pede que seja feita a identificação  quanto antes.

Em caso de não ser identificada a destinação, os fundos devem abrir um edital quando a verba chegar na conta da prefeitura. Identificar a Darf permite que essa burocracia não seja necessária.

Conforme a coordenadora do programa do PMEF, Rosaura Vargas, Santa Maria fica em terceiro lugar no Estado em número de destinações. A frente do município, estão apenas Caxias do Sul e Porto Alegre. O crescimento da cidade, entretanto, foi maior que a Capital e o município da Serra.

- No entanto, Santa Maria teve um crescimento em relação ao ano anterior bastante significativo, de 65%, enquanto Caxias do Sul cresceu 9%, e Porto Alegre, 13% - pontuou.

PROJETOS QUE PODEM SER CONTEMPLADOS

Fundo do Idoso

  • Abrigo Espírita Oscar José Pithan
  • Lar das Vovozinhas
  • Vila Itagiba

Fundo da Criança e do Adolescente

  • Associação Orquestrando Arte
  • Associação de Cegos e Deficientes Visuais (ACDV)
  • Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cededica)
  • Sociedade Espírita Estudo e Caridade Lar de Joaquina
  • Royale Escola de Dança e Integração
  • Associação Colibri
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae)
  • Banco da Esperança - Ação Social
  • Associação Amigos do Judô de Santa Maria (AAJSM)
  • Instituto Pedagógico Tabor/Centro de Referência Familiar Recanto do Sol
  • Associação Riograndense Equoterapia e Equilíbrio
  • Associação Bandeira Social
  • Aldeias Infantis SOS Brasil Santa Maria
  • UFSM - Turma do Ique: Em Frente

*Colaborou Leonardo Catto


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190