ipva

Saiba como pagar o licenciamento do seu veículo para 2020

Ao contrário de anos anteriores, documento será entregue pelos Correios sem necessidade de alguém assinar o recebimento

18.398
Foto: Foto: Renan Mattos (Diário)

Os donos de veículos estão livres de um transtorno que era comum na hora de receber o documento de licenciamento (CRVL). A partir desta semana, os Correios estão entregando a documentação diretamente na caixa de correspondência ou embaixo da porta, sem a necessidade de alguém assinar o recebimento, como era antes.

Até então, se não havia ninguém para receber o CRVL após três tentativas de entrega, era necessário ir até a sede dos Correios para retirá-lo. A facilidade já vale para quem pagar o IPVA 2020 agora, em cota única, e as demais obrigações do veículo, como a taxa de expedição e eventuais multas, para receber o certificado.

Decreto de Pozzobom permitirá abertura do comércio até a meia-noite

Segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS), é importante que o endereço do proprietário do veículo esteja atualizado e completo nos registros do órgão. Nos casos em que o destinatário é morador de zona rural ou mesmo urbana que não conta com entrega domiciliar, ele deve ir até os Correios para a retirada do documento da mesma forma que faz para o restante de sua correspondência. O certificado ficará à disposição na agência por 20 dias.

VÍDEO: R$ 21 milhões deixaram de ser doados para fundos municipais

O Detran-RS informa, ainda, que, após o pagamento, a previsão de entrega do CRVL, que é obrigatório para poder transitar com o veículo, está levando cerca de 15 dias. Mas não é necessário esperar pelo papel. O uso do CRLV-e, a versão eletrônica do documento do veículo, que tem a mesma validade do físico, já está disponível no Rio Grande do Sul. Basta acessar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito para obter as versões digitais tanto do CRVL quanto da carteira de motorista (veja no quadro ao lado).

SEM SEGURO
Quanto ao seguro obrigatório, o Detran-RS esclarece a cobrança foi suspensa por Medida Provisória (MP) do governo federal. Contudo, caso a MP seja derrubada pelo Congresso ou deixe de ter validade, o DPVAT poderá ser cobrado, inclusive, retroativamente. Neste caso, quem já pagou o licenciamento de 2020 e recebeu o documento do veículo, poderá ter de quitar o seguro no ano seguinte, ou seja, pagará dois anos de DPVAT.  

Os valores que estavam previstos para o seguro em 2020 eram de R$ 63,69 para automóveis e de R$ 180,65 para motos. 

NO CELULAR

  • Para obter as versões digitais da carteira de motorista (CNH) e do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRVL), basta baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito, disponível para celulares e dispositivos Android e IOs
  • No aplicativo, após cadastro com o CPF, constam os dois documentos, bem como eventuais multas do veículo
  • A CNH e o CRVL digitais (foto) têm validade igual à dos documentos de papel


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190