mobilidade

Com poucos horários de ônibus à noite, transporte coletivo ainda gera impasses para lojistas

Shoppings podem funcionar até às 22h, mas com a restrição de algumas linhas, diversas lojas precisam encerrar o expediente mais cedo

Natália Müller Poll
Foto: Foto: Marcelo Oliveira (Especial)


Foto: Marcelo Oliveira (Especial)

Mesmo após a ampliação dos horários de funcionamento do comércio, boa parte dos lojistas segue insatisfeita com o transporte público de Santa Maria, principalmente com os horários noturnos dos ônibus. Somente o comércio emprega cerca de 20 mil pessoas na cidade, muitos com expediente à noite. Para os que atuam em bares e restaurantes - locais em que o expediente interno segue depois do horário de atendimento ao público -, a preocupação é com o ir e vir para quem depende do transporte coletivo.

Receita libera consulta a terceiro lote de restituição do Imposto de Renda

Em função da pandemia, os horários dos ônibus estão reduzidos. Para se adaptar a isso, alguns estabelecimentos estão fechando mais cedo, como ocorre no Royal Plaza Shopping. O administrador, Ruy Giffoni, diz que enquanto os horários do transporte não forem ampliados, "é impossível obrigar os lojistas a ficarem abertos até as 22h".
- Não posso exigir que as lojas fiquem abertas, se os funcionários não tiverem ônibus para se deslocar após o expediente. Então, instituímos que o comércio funcione, obrigatoriamente, até as 21h. Até as 22h, fica facultativo. Sentimos a necessidade dessa flexibilização, desde que ouvimos os relatos dos trabalhadores do shopping. Atualmente, além da alimentação, apenas cinco ou seis lojas estão abrindo até as 22h - afirma.

Executivo estuda linha de crédito do Banrisul para as prefeituras

A gerente de loja Thais Veddoto diz que a escassez de horários de ônibus, no fim do expediente, causa transtornos no dia a dia.
- Não chegamos a fechar mais cedo por causa disso, mas os transtornos são grandes quando precisamos montar a escala das vendedoras. Uma das nossas funcionárias precisa pegar dois ônibus para chegar em casa e os horários das linhas que ela precisa nunca fecham certinho. Então, ela nunca pode ficar no turno da noite - relata a gerente, que já ligou para a Associação dos Transportadores Urbanos de Passageiros de Santa Maria (ATU) para cobrar uma solução.

AMPLIAÇÃO
Conforme o diretor da ATU, Edmilson Gabardo, a associação está "comprometida em escutar as demandas da população":
- Alguns problemas pontuais já foram resolvidos, ainda no mês passado, junto à prefeitura. Sempre avaliamos as demandas das entidades comerciais e dos trabalhadores.
O gerente operacional da ATU, Cristiano Andretta, diz que foram ampliados alguns horários nas linhas em que havia mais demanda do setor de comércio.
- Na intenção de atender os trabalhadores dos shoppings Praça Nova e Royal, ampliamos algumas linhas, como no sentido Centro-Camobi, Centro-T. Neves e Circular Sul, que também passa nos dois shoppings. Os últimos horários da noite, atualmente, são às 22h40min. Mesmo assim, pedimos aos empresários lojistas que, surgindo a necessidade, entrem em contato conosco - assegura. 

Caminhoneiros rechaçam possibilidade de greve na região

O QUE DIZ A PREFEITURA
A Secretaria de Mobilidade Urbana de Santa Maria garante que monitora diariamente, junto ao Consórcio SIM, a quantidade de passageiros nas linhas do transporte coletivo urbano. Em nota, o Executivo diz: "Ajustes pontuais em alguns itinerários noturnos já foram feitos, porém, até o momento, não houve necessidade de grandes alterações na referida faixa de horário. Atualizações futuras poderão ocorrer se houver necessidade, inclusive, para evitar aglomerações dentro dos ônibus".


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190