reflexos da seca

14 municípios da região já assinaram o decreto de emergência pela estiagem

Jari e Toropi entraram para a lista nesta segunda-feira

18.398
Foto: Foto: Renan Mattos (Arquivo Diário)


Foto: Renan Mattos (Arquivo Diário)

Subiu para 15 o números de municípios da região que assinaram decreto de emergência por causa da estiagem do início do ano. Jari e Toropi entraram para a lista nesta segunda-feira. 

Agora, as prefeituras precisam aguardar o reconhecimento da situação pelo governo estadual e, posteriormente, a homologação a âmbito federal (etapa que costuma demorar mais). No Estado, de acordo com o boletim informativo pela Defesa Civil nesta sexta, são 74 municípios com decreto de situação de emergência e outros 15 que já assinaram o decreto, mas o Estado não recebeu a documentação. 

Uma rua e duas avenidas têm bloqueios em Santa Maria nesta segunda-feira

Cidades com decreto de situação de emergência já entregue ao Estado: 

  • Agudo
  • São Gabriel
  • Toropi
  • Júlio de Castilhos
  • Nova Palma
  • Faxinal do Soturno
  • Pinhal Grande
  • Tupanciretã
  • Santa Maria
  • São Pedro do Sul
  • Jari
  • Restinga Sêca

Cidades que já assinaram o decreto, mas o Estado não recebeu a documentação:

  • Dilermando de Aguiar
  • Formigueiro
  • São Martinho da Serra

Depois da escassez de chuvas em dezembro, o mês de janeiro tem beneficiado os produtores da região. Em Santa Maria, o acumulado superou os 150 milímetros. Apesar do fim da estiagem, as perdas em algumas culturas já estão consolidadas. Na soja, por exemplo, a expectativa, de acordo com a Emater, é que haja uma quebra de 20% na produção. Já nos milhos grão e silagem, a estimativa de perda é de 25%. Enquanto isso, o arroz foi a cultura menos prejudicada pela falta de água, com projeção de 5% de perda.

- Em todos esses índices, temos que observar o comportamento do tempo até o meio da semana, para ver o que vai acontecer, se essas lavouras vão apresentar alguma recuperação - relata o engenheiro agrônomo da Emater, Luis Fernando Rodrigues Filho.

Porém, o engenheiro ressalta que a recuperação da produtividade, principalmente na soja, é mais difícil de acontecer.

- Muitas lavouras estão com uma baixa população de plantas. É o problema do estabelecimento de lavouras na fase inicial. Isso vai ter reflexo na produção - afirma o engenheiro.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190