noite de sábado

FOTOS: UFSM vence primeiro clássico santa-mariense pela Série Ouro de futsal

Federal superou o União Independente por 2 a 0 no Centro Desportivo Municipal


Fotos: Pedro Piegas (Diário)
Léo Rudek (20) foi o destaque do jogo

Foi uma noite de ineditismos em um Centro Desportivo Municipal lotado. Pela primeira vez na história, o clássico santa-mariense do futsal entre UFSM e União Independente ocorreu pela Série Ouro. E também, de forma inédita, a partida terminou com vitória da Federal. Em um jogo pegado, tenso e de muita vibração, Léo Rudek e Farias marcaram os dois gols da vitória dos universitários na noite deste sábado.

O jogo

O primeiro tempo teve cara de clássico, com muita tensão, nervosismo, jogadas duras e pressão da torcida. Entretanto, faltou o gol.

Os minutos inicias foram de equilíbrio. A primeira chance criada foi da UFSM, com Léo Rudek, que obrigou o goleiro Edinho a fazer grande defesa. O União logo respondeu, com Felipinho, que mandou para fora em lance na cara do goleiro Carlson.

Rivais, UFSM e União se enfrentam pela Série Ouro neste sábado

Após os cinco minutos inicias, começou um período de domínio do União, com mais posse de bola e rondando a área da Federal. Fernandinho, Roger e Pablo foram os principais responsáveis pelas ações ofensivas da equipe. Após um pedido de tempo, quando restavam cinco minutos para o final da primeira etapa, a UFSM voltou a se encontrar dentro de quadra. Léo Rudek, em chute forte de fora da área, e Lincon, que desperdiçou uma boa oportunidade de marcar após cobrança de falta ensaiada da Federal, quase marcaram. O União, por duas vezes, deixou de capitalizar em falhas na saída de bola da UFSM. O primeiro tempo acabou em 0 a 0 e com o jogo aberto.

Na volta do intervalo, o União logo tratou de partir para cima e pressionar em busca do gol. Com amplo domínio da posse de bola, o time de azul - que estreou novo uniforme na partida - arrematou diversas vezes, mas sem tanto perigo à meta universitária.

Soldiers Flag Football disputa título estadual neste domingo

O gol da Federal surgiu em um momento que o adversário era superior. Quando o cronômetro mostrava 16 minutos, o goleiro Carlson descolou lançamento para Léo Rudek, que, de primeira, finalizou forte. O goleiro Edinho espalmou para escanteio. Na cobrança, pelo lado esquerdo de ataque, Farias recebeu a bola em jogada ensaiada rente à linha lateral e acertou um belo chute para o fundo das redes. 1 a 0.

Com o gol, a torcida se inflamou e o jogo cresceu em emoção. O União voltou a pressionar mas, em contra-ataque, três minutos depois, Léo Rudek surgiu sozinho no campo ofensivo. Ele teve tempo de partir para cima, ajeitar o corpo e bater rasteiro na saída do goleiro Edinho. 2 a 0.

Um sábado de clássico para lotar o CDM

O União seguiu pressionando e não faltaram chances para descontar. Quando não era o goleiro Carlson, um dos melhores em quadra, a salvar a UFSM, os jogadores do União erravam os arremates. Com muita vibração dos atletas em quadra e do banco de reservas, a UFSM se fechou e tratou de garantir o placar. Nem Roger, que viu uma de suas tentativas parar na trave, nem Felipinho, conseguiram descontar o marcador. Restando quatro minutos, o técnico da UFSM Gabriel Pranke ousou e levou à quadra o goleiro linha, para que sua equipe tivesse superioridade numérica na linha e ficasse mais com a bola, para o cronômetro rodar. A estratégia deu certo e, apesar da insistência do União, o marcador não se alterou. Vitória da UFSM por 2 a 0 - a primeira da história sobre o rival santa-mariense.

- Foi um jogo extremamente difícil. O primeiro tempo a gente usou para testar algumas coisas, tentar pressionar. Estava complicado, então decidimos baixar a marcação e explorar os contra-ataques. No intervalo frisei bastante isso, que teríamos que matar o jogo no contra-ataque e os guris entenderam muito bem, foram felizes nisso e a equipe está de parabéns pelo resultado - avaliou Pranke.

Inter-SM sub-17 perde a primeira pelo Estadual Juvenil

Com a vitória, a Federal foi a nove pontos e ocupa agora a terceira colocação do Grupo A da Série Ouro. O União ficou com seis, na quarta posição.

- Levamos um gol de bola parada, no escanteio, e depois em uma jogada que erramos um drible na frente da área. O jogo é decidido no detalhe. Tivemos chances de fazer o gol, bola em cima da risca, sem goleiro, e não colocamos para dentro. Não era a nossa noite. Parabéns para a UFSM que ganhou e o campeonato continua - declarou Guto Maurente, técnico do União Independente.

Leia mais sobre esportes

O time áureo-cerúleo recebe a Assoeva, líder do grupo, no próximo sábado, no Centro Desportivo Municipal. Já a UFSM vai até Cachoeira do Sul para enfrentar a AABC São José.

Região

O La Máquina, de São Sepé, perdeu por 4 a 2 para a Assaf, em Santa Cruz do Sul, na tarde deste sábado. Já a ARE, de Rosário do Sul, foi superado em casa por 8 a 5 para a AABC São José. Pelo Grupo B, o Figueira, de Tupanciretã, foi derrotado, também em casa, para a Ser Alvorada, por 6 a 4.

HISTÓRICO DO CONFRONTO

4 de junho de 2016
UFSM 3 x 5 União Independente

6 de agosto de 2016
União Independente 5 x 1 UFSM

27 de maio de 2017
UFSM 1 x 5 União Independente

6 de agosto de 2017
União Independente 5 x 2 UFSM

16 de maio de 2018
União Independente 5 x 3 UFSM

17 de agosto de 2018
UFSM 3 x 3 União Independente

25 de maio de 2019
UFSM 2 x 0 União Independente

*colaborou Felipe Backes


Imagens


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190