contatos Assine
união solidária

Comunidade da Zona Norte faz mutirão de limpeza no ginásio do Guarani-Atlântico

07 Novembro 2018 20:49:00

Local que não é utilizado para a prática esportiva desde outubro de 2015 recebeu uma força-tarefa de moradores

Naiôn Curcino


Foto: Charles Guerra (Arquivo/Diário)

A bola não está rolando no ginásio do Guarani-Atlântico porque não há condições de infraestrutura para a realização de esportes no local. Mas a energia que não pode ser usada em uma partida de futsal, ou qualquer outra modalidade, foi empregada ao bem nesta semana. Um grupo de 15 moradores dos bairros da Zona Norte se juntaram para dar uma nova cara ao prédio. Eles limparam todo o ginásio, que estava tomado por sujeira oriunda de vândalos que queimaram objetos dentro do local, e também pintaram as arquibancadas e a estrutura por fora.

Com futuro incerto no comando do Inter-SM, Guile deseja permanecer no clube

Além da ação já ser um ato de solidariedade, o mutirão ainda tem um outro motivo nobre. A força-tarefa foi mobilizada para a realização de um evento solidário de Natal, que é promovido todos os anos por um conhecido da comunidade. A festa organizada pelo aposentado Agostinho de Oliveira Pereira, 65 anos, beneficia mais de 600 crianças carentes com a distribuição de brinquedos e lanches. Neste ano, em 22 de dezembro, ela será realizada, pela primeira vez, no Guarani-Atlântico.

Leocir Dall'Astra deve ser confirmado como técnico do São Gabriel

- Comecei com dois "fardinhos" de refri, e agora são mais de 600 crianças. Era um sonho meu fazer no Guarani (o evento), porque joguei muito ali e pelo clube. O meu sonho era fazer ali antes de morrer. Eu faço isso porque gosto de ajudar. Quem já passou trabalho na vida sabe o que é uma criança não ganhar nada no Natal ou no Dia das Crianças - conta Agostinho.

O idealizador relata que foi fácil arrumar os ajudantes, já que toda a comunidade, principalmente do Bairro Salgado Filho, será beneficiada.

- Como o ginásio estava daquele jeito, nos reunimos para organizar. Foram três dias de mutirão. Ficou muito bonito - comemora.

Cinco santa-marienses representarão o Estado em torneio de basquete de veteranos

Quem também agradece é o coordenador do Guarani-Atlântico, Delenir Rosa, mais conhecido por Dellarosa. É dele a incumbência de manter o local limpo.

- Foi uma parceria grande, porque eu trabalho sozinho aqui. E é um patrimônio de todos - completa Dellarosa.

Quem quiser ajudar o seu Agostinho com brinquedos e refrigerante ou lances para a festa de Natal pode entrar em contato pelo telefone (55) 99125-8671.

Leia mais sobre esportes

O ginásio do Guarani está em desuso desde outubro de 2015, após temporal que destelhou a quadra e danificou o espaço.  

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249