Informe comercial

Destaque em belezas naturais e diversidade cultural, Agudo completa 61 anos

Município é bastante procurado para atividades de ecoturismo e gastronomia

Diogo Brondani


O Centro do Estado guarda muitas peculiaridades, costumes e cultura que vieram com os imigrantes que povoaram esse pedaço do Rio Grande do Sul. Em meio à região da Quarta Colônia de Imigração Italiana, ganha destaque uma cidade onde é possível encontrar um pouco de cultura alemã. É Agudo, município de cerca de 17 mil habitantes que desempenham, em sua maioria, atividades como agricultura e pecuária (esta em menor escala). Na primeira, o destaque é para o plantio de arroz, fumo e o morango, onde a produção deste último gera renda à agricultura familiar e ainda atrai turistas para a tradicional Festa do Moranguinho.

O comércio, pequenas indústrias e prestadores de serviços complementam a movimentação econômica do município. A calmaria de cidade pequena traz tranquilidade aos moradores. 

- Aqui em Agudo é bom. Cidade calma, limpa e segura. Falta melhorar um pouco de estradas. Desejo que prospere mais, tenha mais saúde e mais educação - diz o agricultor Elimar Kessler. 

Agudo detém de muitas belezas naturais, as quais atraem visitantes ao ecoturismo e gastronomia. Os principais pontos visitados são os balneários Drews, Hoffmann e Friedrich, as cascatas Raddatz e do Chuvisco, a Gruta do Índio, Morro Agudo, o Morro da Figueira (531 m de altitude) e que conta com rampa de asa delta e paraglider, travessia do Rio Jacuí através de barca por cabo. Na gastronomia o destaque é para os fartos Cafés Coloniais. 

A cultura alemã é evidenciada na arquitetura e costumes dos moradores. Além disso, ela é reinventada e contada de diferentes formas, como é o que faz o Clube da Gurizadinha, que, através de livros infantis, tem a missão de transformar a leitura em um acessório fundamental contando um pouco da cultura gaúcha com um jeito agudense. 

- Agudo se destaca pela diversidade geográfica e cultural e nós, que somos agentes transformadores da cultura através do Clube da Gurizadinha, prestamos a nossa homenagem a Agudo pelos seus 61 anos. Sentimos honrados em fazer parte dessa história de Agudo e comemorar junto esse aniversário - declara a diretora Iolanda Wilhelm. 

Na saúde, o destaque é para o Hospital de Agudo, que faz constantes investimentos visando melhorar os serviços disponíveis à comunidade. 

- O Hospital de Agudo, importante como sempre foi para a população, presta serviços de imagens, cirurgia e internação, é referência em otorrinolaringologia, o que nos deixa muito satisfeitos por prestarmos esse suporte à população e a dimensão de responsabilidade que temos na saúde regional. São 61 anos de vivência sadia e propositiva entre Agudo e hospital, onde a cidade e comunidade andam juntas, crescem juntas. Estamos juntos desde antes de Agudo ser o torrão amigo amado por todos. Parabéns Agudo. Parabéns Agudense. Você faz parte disso e também é responsável por essa evolução - diz o presidente do Conselho de Administração Paulo Augusto Wilhelm. 

O SURGIMENTO 

Agudo tem o seu surgimento a partir da chegada dos primeiros imigrantes alemães, provenientes da Pomerânia, que chegaram à região em 1º de novembro de 1857, desembarcando em Cerro Chato, na margem esquerda do Rio Jacuí. Agudo é o berço da Colônia Santo Ângelo, instalada pelo Governo Provincial (Presidente Ângelo Muniz Ferraz), entre os anos de 1857 e 1885. O primeiro diretor da Colônia foi Florian Von Zurowski, que logo foi substituído pelo Barão Von Kahlden.

A partir de 1865, a Colônia Santo Ângelo se torna parte do primeiro distrito de Cachoeira do Sul. O nome Agudo deriva do Morro pontiagudo, que desponta na várzea do Rio Jacuí e encontra-se de frente a principal avenida da cidade, a Avenida Concórdia, e possui 429 metros de altura. O movimento de emancipação de Agudo foi iniciado a partir de 1957 e, em 16 de fevereiro de 1959, foi assinada a lei que criou o município. Portanto, neste domingo, é dia de comemorar o aniversário de 61 anos de Agudo. Parabéns!


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190