patrimônio histórico

Vila Belga, em Santa Maria, completa 113 anos

Um dos primeiro aglomerados de residências da cidade, hoje, recebe o Brique e o Mercado da Vila Belga

18.409


Fotos: Renan Mattos (Diário)

"Lá para baixo na Rio Branco", ao lado da estação, fica a Vila Belga, construída há mais de um século para abrigar os funcionários da empresa Compagnie Auxiliaire des Chemins de Fer au Brésil. O local que completa 113 anos de história hoje é um patrimônio histórico tombado e acolhe centenas de moradores em suas casas coloridas com janelas charmosas.

Um dos moradores mais conhecidos é, sem dúvida, Kalu da Cunha Flores, um dos idealizadores do Brique da Vila Belga. O evento que, há alguns anos, vinha crescendo no local, em 2020, em função da pandemia por coronavírus e do isolamento social, precisou dar uma pausa. Segundo ele, o retorno da atividade, antes, prevista para abril, foi adiada para agosto deste ano. 

- Estava com a programação pronta para abril e maio e cancelei. Estou conversando com os fazedores de Cultura para quando passar o isolamento social voltarmos. Estou achando melhor passar o inverno e iniciarmos em agosto. O Brique foi o primeiro evento de rua após a tragédia da Boate Kiss. Quero voltar com o Brique quando puder ter de volta alegria dos encontros com abraços e confraternizações que o Brique proporciona - diz Flores, que mora no local há 11 anos, mas que frequenta a vila desde a década de 1950.

Morre o músico Moraes Moreira

Para homenagear a região de casas alegres, ele diz:

-  Este espaço histórico é muito rico. A beleza da Vila Belga, ainda permite viajar ao passado. Após 113 anos ainda permite nós tenhamos uma vida comunitária pela forma que foi construiu. As 88 casas são geminadas e tem uma entrada em comum entre os moradores e isso possibilita a convivência diária. À tardinha, a Vila Belga é como uma cidade do interior. Os moradores sentam em frente às casas e as crianças ainda brincam. E dessa confraternização entre os moradores em 2015, nós criamos o Brique da Vila Belga - rememora Kalú.

VÍDEO: canção 'Santa Maria', de Beto Pires, ganha nova versão durante o isolamento

A presidente da Associação dos Moradores da Vila Belga Myrna Floresta comenta sobre a importância do local como preservação da história da cidade e de como a passagem de visitantes movimenta essa história que se mantém viva pelos relatos:

- São 113 anos de patrimônio material e imaterial e é um orgulho para a associação ter participado desse processo de tombamento para estimular o turismo e a valorização desse maravilhoso conjunto habitacional. Os visitantes que aqui chegam e tem a oportunidade de conversar com aqueles moradores mais antigos se encantam com as histórias e memórias daquela época. É emocionante ver o brilho no olhar e alegria tanto do turista quanto do morador revivendo essas lembranças. Por tanta importância e valor que a Vila Belga tem, o que precisamos é de um olhar especial por suas ruas calçadas, iluminação segurança e manutenção desse espaço tão querido por nós.


PLANOS PARA O MERCADO DA VILA BELGA
O Mercado da Vila Belga está fechado, conforme o decreto municipal. Everaldo Trilha, um dos administradores do local, afirma que o local migrou para ser um centro de docente, cultural, de gastronomia e eventos. Hoje, o espaço tem um andar inteiro ocupado por um cursinho e existem mais três andares disponíveis para a comercialização, que estão em negociação.

- Após a pandemia, vamos continuar como um espaço docente agregando empresas e universidades. Queremos trazer grandes players do mercado gastronômico para Santa Maria, além de nos posicionar como espaço cultural, de eventos e coworking - afirma o empresário.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190