arte na quarentena

VÍDEO: jaguariense lança documentário sobre isolamento em hostel na Argentina

Rafael Guerra ficou hospedado de março a maio no local. Curta mostra rotina dos moradores do local

18.406
Foto: Foto: Rafael Guerra (Arquivo pessoal)

Foto: Rafael Guerra (Arquivo pessoal)

A ideia de ressignificar o período de distanciamento social deu origem ao documentário "Quarentena em um hostel argentino", criado pelo publicitário Rafael Guerra, 35 anos, de Jaguari. Ele estava há uma semana trabalhando em um hostel em Villa de Merlo, na Argentina, quando o governo ordenou a quarentena no país. Com as fronteiras fechadas e com poucas opções, o jaguariense resolveu ficar no local e aproveitar ao máximo a situação. 

Há duas décadas, surgiam hits que marcaram o início da era da música digital


O documentário é um curta com pouco mais de 18 minutos, filmado integralmente com um celular. Nele, participam três hóspedes do hostel, um voluntário e o proprietário do local. As captações foram de março a maio, mas foi em abril que Rafael decidiu que faria o curta. O processo de edição e de pós-produção durou mais um mês, tudo feito por ele. O publicitário conta que ouvia relatos de pessoas que estavam tendo dificuldades por estarem enclausuradas em casa. Mas, para ele, estar naquele lugar era um privilégio.

- Eu comecei a perceber o quão eu era privilegiado de estar fazendo a quarentena naquele lugar paradisíaco e com aquelas pessoas tão positivas e com uma energia tão boa. Aí me dei por conta de que eu tinha que documentar tudo aquilo. Fotos e meu relato não seriam suficientes. Era um momento histórico e eu queria deixar registrado - conta Rafael.

Artista de Santa Maria lança música inspirada no distanciamento social

Para driblar o tempo, os moradores do hostel passaram a cultivar uma horta, tiveram mudanças de hábitos, dividiram momentos, conversas e perspectivas, além de adotar um gatinho e cuidar dos animais que também moram na propriedade. O período foi encarado como um momento de aprendizagem e de troca de experiências. E é isso que o audiovisual mostra. Por meio de entrevistas, cada um dividiu como estava encarando a situação, seus sentimentos e o que fazia para manter a mente ocupada.

CAMINHO PARA MERLO
Rafael se mudou para Buenos Aires em 2019 para aprender espanhol e, depois, fazer um curso de Motion Graphics. Com as aulas concluídas, o publicitário estava à procura de um emprego na capital argentina. No início de 2020, deu entrada na documentação para pedir residência no país. Mas a busca por um local para morar fez com que os planos fossem adiados temporariamente, já que o valor dos aluguéis era muito elevado. Por isso, ele entrou em um aplicativo que trocava trabalho por hospedagem. Foi aí que o destino o levou para Villa de Merlo.

A primeira semana no Casa Grande Hostel foi tranquila, mas pouco tempo depois, o coronavírus chegou ao país e a maioria dos hóspedes foi embora. Rafael resolveu ficar pois acreditava que a situação seria temporária. No entanto, só conseguiu voltar para Jaguari no final de maio. Durante os dois meses que ficou no local, captou a rotina dos que lá estavam.

- Nunca pensei que o resultado seria algo deprimente porque convivia com pessoas muito positivas e inspiradoras. Elas viam esse isolamento como aprendizagem e tinham muita gratidão pelo local que estavam passando a quarentena. Quando tudo isso passar, pretendo voltar para Villa de Merlo, rever as pessoas que conheci e também visitar as atrações naturais além dos muros do hostel - comenta Rafael.

Agora, com o documentário finalizado, o publicitário fará o lançamento da produção no Brasil e Argentina simultaneamente. "Quarentena em um hostel argentino" poderá ser conferido no Youtube, a partir desta quinta-feira, às 8h.



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 

© 2021 NewCo SM - Empresa Jornalistica LTDA


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7188
(55) 3213-7190