zoom

Deborah Rosa, Giana Mello, Nego Di e Bacurau na coluna de Cassiano Cavalheiro

Confira a coluna de Cassiano Cavalheiro na Revista Mix

18.313

E rolou o Carnaval sem Carnaval. Teve quem viajou e ficou isoladinho na casa da praia, na fazenda e, quem assim como eu, ficou em casa mesmo (não vou comentar aqui a respeito das pessoas que aglomeraram como se não houve uma pandemia assolando o planeta). Para mim, nada de muito diferente, visto que eu não curto muito cair na folia. O meu normal é ficar por casa e curtir as pérolas da internet, da TV, do streaming, dos jogos e do colecionismo. Hoje, na coluna, vou fazer tipo a colega Maristela Moura e trazer os "bastidores" do meu Carnaval. Confere aí!

Abre-alas

As novidades carnavalescas começaram já na sexta-feira, com o projeto Carnaval Solar da talentosa, inquieta e sempre diva Deborah Rosa. Em casa, sem grandes produções, mas com muita arte e criatividade, ela acertou e apresentou um bonito trabalho, criado ao lado de seus fieis escudeiros artísticos Luciano Santos, Leo Roat e com produção de Angélica Silva. De sexta até a Quarta-feira de Cinzas, ela publicou no Instagram

@cantoradeborahrosa e no Facebook os vídeos desse projeto. Tem de bate-papo musical com o patriarca da família Rosa, Danilo, até as belas cantoriaa de clássicos do samba, como Atrás da Verde e Rosa, É Hoje o Dia, Estrela Dalva, entre outros (que ganham uma roupagem especial com a voz o carisma do nosso cristal santa-mariense). As trilhas são de Daniel Rosa e Matheus do Cavaco. Confiram os vídeos lá!

Giana

O fim de semana passado também foi para ouvir novos sons locais. Enquanto estive em férias, um furacão santa-mariense chamado Giana Mello, de apenas 19 anos, passou pelas páginas do Diário, na capa da Revista MIX, contando um pouco como ela conquistou mais de 3 milhões de seguidores no TikTok e mais de 1 milhão no Instagram. Há poucos dias, ela lançou a intimista Searching for Love, que já está com quase 300 mil visualizações no YouTube. A baladinha é legal e me lembrou o clima de alguns clássicos dos anos 1990, como Bizarre Love Triangle, na versão de Frente! (1994) e, ainda, I Didn't Know I Was Looking for Love, na versão de Everything but the Girl (1991). Feliz, a santa-mariense agradeceu aos fãs: "Muito, muito, muito obrigada pelo 1M no insta. Eu amo vcs e estaremos juntos pra sempre. Vocês são meu sonho." Estamos tentando que a produtora de conteúdo digital participe do nosso BBD (abaixo) em uma das próximas terças-feiras. Vamos aguardar que, em alguma hora, vai rolar. =)

Recorde

O gaúcho Nego Di, que já passou algumas vezes aqui por Santa Maria, foi o eliminado da semana no BBB 2021 e, detalhe, com recorde de rejeição. Em um paredão triplo, contra Sarah e Fiuk, ele arrebatou 98,76% dos votos. Minha opinião: ele herdou a votação do grupo "do mal", formado por Projota, Karol Conká e Lumena, e que ainda não foi ao paredão. Não acredito que essa votação toda seja só para ele, apesar da trajetória dele no programa (e das piadas dele fora da atração) sejam de gosto duvidoso. Outra coisa, quando eu falo "grupo do mal", me refiro ao comportamento dentro do jogo. Eu sou do time que não apoia o cancelamento de ninguém. Torço para que a carreira de todos eles siga com sucesso e que eles, como humanos que são, sigam, assim como todos nós, aprendendo com os erros. Não podemos julgar os coleguinhas, não é mesmo? Todos erramos. A diferença é que eles estão sendo filmados 24h.

Todo Carnaval tem seu fim

E, por fim, mas não menos importante, a terça-feira de folia foi de live Big Brother no Diário (BBD), no Instagram do  jornal. Nesta semana, além dos comentaristas, recebemos Alice Carvalho, psicóloga, ativista do Movimento Negro de   Santa Maria e telespectadora do programa. Ela falou as impressões dela a respeito do Big Brother 2021. Sem papas na língua, ela disse que, apesar do grande número de negros no programa, nem todos estão aproveitando a visibilidade para apresentar pautas e posicionamentos que representem o Movimento Negro na vida real. Um dos participantes que se declara negro, Gilberto, por exemplo, teve sua cor questionada por outro participante negro. Além disso, a participante Lumena levantou uma discussão racial, de forma equivocada no contexto, e isso, segundo Alice, dá margem para deslegitimar quem realmente é ativista do Movimento.

A live completa está no IGTV do Diário. Confere lá!



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190