palhaças do sul

Festival apresenta espetáculos e debate sobre mulheres na comicidade

Programação online e gratuita vai até 28 de março, e conta com artistas de Santa Maria

18.297

Foto: Divulgação
Raquel Guerra e Natália Dolwitsch apresentam 'Irmãs Pulgas'

A semana começou com muita palhaçaria com o Festival Palhaças do Sul, que tem programação totalmente online e gratuita até o próximo domingo. Além de promover muitas risadas, o evento busca discutir sobre arte e gênero com as vivências de mulheres na comicidade. 

Ricardo Borges lança EP em parceria com amigos

De acordo com a organização, a ideia é inspirada pelo movimento de palhaçaria feminina no Brasil, e busca estabelecer uma rede entre artistas de todo o Estado. Com realização do Teatro Hebraica e Baphônicas Produções e financiado pela Lei Aldir Blanc, o festival conta com espetáculos, cabarés, podcasts, oficinas, debates e rodas de conversa abertas ao público, com artistas-palhaças de todos os cantos, inclusive de Santa Maria. É o caso das palhaças Ariane Vizzoto, Liziana da Rosa e Thayná Máximo, que apresentam números ao longo da edição, e do espetáculo Irmãs Pulgas, que será apresentado no domingo pelas artistas Raquel Guerra e Natália Dolwitsch. 

- Esse festival abre espaço para uma narrativa própria, uma vez que as mulheres palhaças têm trazido novos temas para a área das artes em torno da dramaturgia, dos processos de criação, da reflexão e construção social do riso - comenta Raquel .

A artista integra ainda a equipe de produção, e conta que são mais de 80 mulheres que participam diretamente do evento, como na atuação, direção, oficinas e audiovisual, e mais de 200 mulheres, direta e indiretamente, envolvidas no festival. 

- É maravilhoso estar no festival. Um respiro poder encontrar as amigas, mesmo que a distância, e ver tantos trabalhos desabrochando - diz Natália. 

Mostra online da UFSM reúne trabalhos de mulheres nas artes

PROGRAMAÇÃO
As inscrições para participar das oficinas já foram encerradas, mas ainda é possível acompanhar os cabarés, espetáculos, podcasts e rodas de conversa pelo canal do YouTube da Baphônicas Produções. A programação completa pode ser acessada no site

  • CABARÉ MATHURINE, DIA 26/03 às 21H
    Este cabaré tem seu nome inspirado na primeira mulher boba da corte, chamada Mathurine. É coordenado pelas artistas Kalisy Cabeda e Pati de La Rocha que já desenvolvem desde 2018 o Cabarezin, conhecido evento da cena portoalegrense.
  • CABARÉ MOSTRA TUA GRAÇA PALHAÇA, DIA 27/03 às 21H
    Esse segundo cabaré é uma homenagem à artista Lia Motta, que criou e produziu os dois primeiros festivais de palhaçaria feminina no estado, o Mostra Tua Graça Palhaça, que ocorreram em 2016 e 2017 na cidade de Porto Alegre. A artista também foi convidada para coordenar a apresentação.
  • ESPETÁCULO THEODORAS PRIVADAS ONLAINÊ, DIA 25/03 ÀS 21
    Na ausência das ruas, na saudade dos encontros, entre os quadrados da casa, qual é o nosso querer? A poesia do que se pode compartilhar, o aroma do que se quer viver junto, a espontaneidade das cores, a liberdade dos movimentos de descoberta de si e de mais quem se desejar perto. Se assim for, por que não? No tilintar das gargalhadas que atravessam distâncias e encontram formas de ser, no criativo do íntimo e na multiplicidade do encontro, as Theodoras, também assim, acontecem
  • ESPETÁCULO VAI PASSAR, DIA 27/03 ÀS 17H
    Em uma sala virtual, a palhaça Leontina, envolta num ambiente místico, regado à música e à bruma dos incensos, recebe o público e o convida a respirar e contatar com o presente. Ela oferta à plateia virtual o baralho de cartas, e nesta leitura compartilhada, o conceito de impermanência - temática central do espetáculo - é apresentado no jogo improvisacional proposto por ela. As múltiplas janelas que estão abertas promovem um convívio efêmero, mas que instaura a interdependência e a cumplicidade na escuta dos conselhos, confidências e intuições que a Leontina partilha. O espetáculo nos convida a refletir com leveza, humor e poesia sobre o caráter transitório da vida, e dos acontecimentos que experienciamos, trazendo para a consciência o fato irrevogável de que tudo Vai Passar.
  • ESPETÁCULO IRMÃS PULGAS, DIA 28/03 ÀS 14H
    Duas palhaças vivem a história de pulgas siamesas que trabalham em um circo. Exploram a poética dos repertórios circenses dialogando com o universo do teatro de miniaturas. Em cena, estão as palhaças Carniça Podre Contorciocida e Bamboleta Framboesa, juntas elas são as irmãs pulgas. Entre acrobacias e bambolês, brincadeiras e descobertas, elas vivem uma aventura circense.
  • ESPETÁCULO UM DIA UMA PALHAÇA, DIA 28/03 ÀS 17H
    Esqueça a palhaça fofa de meias listradas e pompom no cabelo que aparece no imaginário. Rarley Davidson é uma versão hardcore da personagem. Rarley passa a vida caminhando na corda bamba, no globo da morte, pulando em copo dágua, colocando a boca na mão do leão, até que um dia é instigada pelo pai a escolher o próprio caminho. Eis o ponto crucial da história. Espécie de anti-heroína, Rarley também transcende à condição do personagem. Ela pode ser entendida como metáfora tanto da mulher atual, múltipla, quanto dos dilemas do cotidiano para entender quem se é e o que é preciso escolher e renunciar para chegar aonde se deseja. Realizado numa bike-palco, o espetáculo busca, também apresenta elementos de ilusionismo, pirofagia, malabares e música ao vivo.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 

© 2021 NewCo SM - Empresa Jornalistica LTDA


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7188
(55) 3213-7190