#fiqueemcasa

Depois de interromper live, Leo Pain pede desculpas a entidades e convida prefeitura para parceria

Prefeitura diz que não recebeu nenhum contato oficial do músico


Foto: Reprodução/Facebook Léo Pain

Após ter interrompido a transmissão ao vivo de um show beneficente, na sexta-feira à noite, em função de ter confundido uma fiscalização da Guarda Municipal com uma abordagem da Brigada Militar, o cantor Léo Pain realizou uma nova transmissão ao vivo, dessa vez de sua casa, para pedir desculpas. No vídeo, que foi transmitido pela página do cantor no YouTube, além de se desculpar com a Brigada Militar e com o público, Léo propõe à prefeitura de Santa Maria uma ação conjunta, em forma de um novo show para ser transmitido ao vivo, com o objetivo de angariar doações para quem precisa.

Leia mais notícias sobre Cultura 

- Fizemos ao ar livre para não estimular a aglomeração de pessoas. Vi uma sirene e pensei em Brigada Militar. Falei no microfone, mas desde já quero pedir, com toda a humildade do mundo, desculpa à polícia militar. Inclusive, vocês fazem milagre com a condição de trabalho. Eu sei por que tenho uma mãe professora e vocês recebem parcelado. Peço perdão por ter falado que eram vocês. Meu maior respeito aos policiais militares - disse Léo na transmissão.


Contatado pela reportagem do Diário, Léo Pain disse que já deu o assunto por encerrado no mesmo dia, durante a live. Ele ressaltou que não vai se manifestar sobre o assunto novamente.
O prefeito Jorge Pozzobon falou, em entrevista à rádio Imembuí, que considerou a atitude do artista exagerada e que a ação da prefeitura seguiu as normas de fiscalização determinadas em função da pandemia. Por meio da assessoria de comunicação, a prefeitura informou ainda que, até a tarde de ontem, não houve contato oficial de Léo Pain com o Executivo para propor uma ação solidária. A prefeitura ressalta que está trabalhando de forma organizada no que diz respeito a apresentações virtuais vinculadas a ela.

Entenda o caso

Na sexta-feira à noite, o cantor Léo Pain fez uma transmissão ao vivo, cantando, para angariar doações para a população de baixa renda de Santa Maria. Após uma denúncia de aglomeração onde a transmissão estava sendo realizada, a guarda municipal foi até o local fiscalizar o evento e nenhuma irregularidade foi encontrada. O cantor, sem saber o que estava ocorrendo nos bastidores da apresentação, enganou-se e acreditou ser uma abordagem da Brigada Militar e criticou a ação. Em seguida, encerrou a live antes do previsto. No domingo, o cantor fez uma nova aparição em vídeo, dessa vez, para pedir desculpas e para propor à prefeitura de Santa Maria uma nova live solidária, dessa vez, em parceria com o município.



fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190