contatos Assine
sociedade

O que 2017 revelou sobre você?

13 Dezembro 2017 18:00:00

2017 foi muito desafiador para mim. Fui forçada a enxergar algumas mentiras que sustentavam meus hábitos, e minha história e a dor entrou pela mesma porta da verdade - nada bela - que foi revelada. No plano coletivo, este ano também não foi fácil. A feia verdade da corrupção, violência e ignorância gerou descrença, vergonha, muita indignação e revolta. E você, teria ficado imune à potência reveladora que foi 2017?

De acordo com o yoga, somos todos uma centelha divina e encarnamos neste Planeta para viver aprendizados que auxiliarão na nossa evolução. A dificuldade em aprender o que precisamos se amplia a cada nova experiência que gera traumas, pois deles agregamos aspectos negativos em nossa personalidade, os quais tentamos esconder criando máscaras. Os aspectos negativos são tudo aquilo que não corresponde ao amor, à espontaneidade, à paz e, por isso, normalmente os negamos e ocultamos ou até mesmo nem os reconhecemos como integrantes da nossa personalidade. São exemplos deles: carência, insegurança, raiva, ódio, ciúmes etc.

Reflexões para nos encontrarmos espiritualmente

Me parece que 2017 foi fundamental na derrubada das nossas máscaras individuais e coletivas e revelação dos nossos aspectos negativos. Sri Prem Baba considera que vivemos um período paradigmático e muito especial exatamente pela ampliação da luz sobre a nossa personalidade e história, facilitando que vejamos o que é preciso para seguirmos nosso caminho em direção à felicidade. Este processo de encarar nossas sombras e máscaras é indispensável, pois é somente sobre uma base sólida (mais verdadeira) que conseguimos avançar.

Sem dúvida que é mais fácil enxergar a verdade (e as mentiras que a ocultam) dos outros. A nossa própria verdade se esconde muito bem dos nossos olhos. Mas vou dar um exemplo para facilitar. Digamos que você se considere um(a) excelente companheiro(a) e atribua ao(à)(s) parceira(o)(s) com quem viveu e/ou vive experiências amorosas quase toda a responsabilidade pelos desentendimentos que enfrentaram e/ou enfrentam. Se houve sofrimento da sua parte com tais desentendimentos, você certamente possui alguma responsabilidade sobre eles.

Então, a verdade que você precisa enxergar é que não é tão bom companheiro(a) assim. Há algum aprendizado que você precisa ter para colaborar com a melhoria do seu relacionamento ou para não repetir determinado comportamento(s) com outra pessoa.

A fábula do empreendedorismo

Como é natural neste período, dê uma espiadinha sobre os acontecimentos mais importantes na sua vida neste ano. Reflita com o coração aberto sobre eles, especialmente os doloridos, e busque sentir qual aprendizado havia ali para você. Concentre-se em ser autorresponsável, não desperdiçando energia com avaliações sobre o(s) outro(s), mas colocando sua atenção máxima nos seus comportamentos. Carregue esta prática consigo e insira na sua rotina este exercício que o levará a perceber que está exclusivamente nas suas mãos a oportunidade de construir, a cada pensamento, palavra e ação, a sua felicidade.

Apesar da densidade da sua tarefa, o que acredito que foi sentido por quase todos nós, 2017 foi um ano transformador, extremamente potente para todos os que acreditam que precisamos realizar inúmeras e radicais mudanças. A sobrevivência da vida humana no Planeta Terra depende disso. A segurança e saúde dos nossos filhos e netos também. E a nossa felicidade... ah, a nossa felicidade estará sendo semeada e cultivada a cada mentira e verdade desveladas! Um excelente final de ano a todos e que possamos sentir gratidão por tudo que 2017 revelou e ensinou sobre nós mesmos.

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249