contatos Assine
sociedade

Insensatez

28 Fevereiro 2018 18:41:00

Colunista faz uma reflexão sobre a música brasileira atual


Danúbio Azul

Anoiteceu. Contemplo o Danúbio. Famoso rio inspirador de poetas, músicos, artistas e pessoas em geral. O rio Danúbio percorre uma extensão continental. É o segundo rio mais longo da Europa (depois do Volga), e tem entre 2845 e 2888 km de extensão, atravessando o continente de oeste a leste, desde sua nascente na Floresta Negra (Alemanha) até desaguar no mar Negro, no delta do Danúbio (Romênia).

Passa por diversos países da Europa: Alemanha, Montenegro, Bulgária, Hungria, Áustria, Moldávia, Eslováquia, Ucrânia, Sérvia, Croácia e Romênia.

Johann Strauss (filho), austríaco compositor, fez em homenagem ao rio uma valsa sem igual: Danúbio Azul. Que praticamente transformou-se no Hino não oficial da Áustria. A valsa tornou-se tão popular que, tanto na Alemanha quanto no Brasil, consagrou-se chamá-la abreviadamente.

Budapeste

Caminho por Budapeste. Capital da Hungria. Budapeste é um importante centro financeiro da Europa. Considerada a sexta maior cidade da União Europeia. Bem como, a sexta cidade mais visitada da Europa e o vigésimo quinto maior destino de turistas no mundo.

Foi classificada como a melhor área urbana da Europa Central e do Leste europeu em qualidade de vida, de acordo com a conceituada Economist Intelligence Unit.

Para a revista Forbes, Budapeste é classificada como um dos lugares idílicos da Europa e pela UCityGuides é vista como a nona cidade mais bonita do mundo.

Chego ao Suttogó Piano Bár. É um aconchegante restaurante de música ao vivo no centro de Budapeste. Tem bons coquetéis e uma abundância de entradas. Escolhi o meu local com uma bela esplanada e vista para o chef.

Delicio-me com a cerveja húngara Soproni (ela tem esse nome por causa da cidade onde fica a fábrica, Sopron). No piano bar, uma jovem e linda mulher começa a tocar. Canta acompanhada de um corpulento rapaz tocando saxofone: "how insensitive, I must have seemed, when she told me that she loved me, how unmoved and cold, i must have seemed, when she told me so sincerely..." (A insensatez que você fez, coração mais sem cuidado, fez chorar de dor, o seu amor, um amor tão delicado, ah, porque você foi fraco assim, assim tão desalmado, ah, meu coração que nunca amou, não merece ser amado...").

Sorri feliz e orgulhoso. Reconheci os acordes musicais.

How Insensitive (Insensatez) é composição do maestro Antônio Carlos "Tom" Jobim e do poeta Vinicius de Moraes. A música foi gravada originalmente por João Gilberto em 1961 e teve dezenas de gravações nacionais e internacionais.

A Bossa Nova, gênero musical brasileiro dos anos 50, misturava samba com jazz. Tornou-se um dos movimentos mais influentes da história da música popular brasileira, conhecido em todo o mundo. Um grande exemplo disso é a canção "Garota de Ipanema", composta em 1962 por Vinícius de Moraes e Antônio Carlos "Tom" Jobim.

Após How Insensitive (Insensatez), a diva húngara cantou The Girl from Ipanema (Garota de Ipanema) e outros sucessos da MPB (Música Popular Brasileira). Além de minhas palmas efusivas a cada fim de música, parabenizei os artistas pelo desempenho musical. Foi uma grata e inesperada surpresa ouvir MPB em Budapeste.

Passados 20 anos da viagem para a Hungria, ainda me recordo daquela noite adorável e sinto um orgulho imenso de saber que a Bossa Nova foi um movimento musical e estético expressivo no Brasil e no mundo.

Lamentavelmente, fico perplexo ao conferir na lista das músicas mais ouvidas (acessadas) em 2018, os seguintes nomes: 1) Que tiro foi esse (Jojo Maronttinni); 2) Deixe-me ir (1kilo); 3) Dona Maria (Thiago Brava); 4)Sobre Nós (Pineapple); 5) Apelido carinhoso (Gusttavo Lima) e etc.

Na breve e indignada reflexão de Arnaldo Jabor acerca da música Que tiro foi esse, Jabor sintetiza meu sentimento de angústia e desamparo nestes tristes e sombrios momentos que vivemos no Brasil:

QUE TIRO FOI ESSE?
Arnaldo Jabor

Que tiro foi esse?
Que deram nos cérebros brasileiros roubando-lhes a capacidade de pensar sobre o que cantam e não proclamar o que encanta
Que tiro foi esse?
Que acertou os tímpanos do nosso povo fazendo-os ouvir lixo achando que é música
Que tiro foi esse?
Que acertou os olhos de uma nação fazendo-os cegos às mazelas do nosso país
Que tiro foi esse?
Que paralisou o nosso povo impedindo-os de reagir aos constantes assaltos aos cofres públicos
Que tiro foi esse?
Ah, Brasil! Que tiro foi esse que nos acertou em cheio, que roubou o nosso brilho e que nos fez retroceder?
É verdade que nós não sabemos de onde veio o tiro, mas é bem certo que esse tiro já derrubou muita gente
Que Deus nos ajude!!

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249