contatos Assine
cultura

Queiram eles ou não

Colunista Leo Roat escreve sobre a necessidade da arte


Queiram eles ou não.

O tempo passa.

Rápido demais.

Os tempos já são outros.

Nebulosos.

Animosidades de sofrimento íntimo. E coletivo.

Para não adoecermos temos que resistir.

Temos que sorrir.

Temos lembrar que Arte nos constitui, queiram eles ou não.

Queria não pensar que existem nós ou eles. Faz tempo que não consigo mais. Infelizmente.

Notas musicais, versos, frases, cenas inesquecíveis formam o que somos. Queiram eles ou não.

Não somos somente "feitos de átomos, somos feitos de histórias". Queiram eles ou não.

Precisamos, entender que o futuro é agora, e criar novas histórias. Queiramos nós ou não.

Criar outras narrativas. Alteridade.

Vislumbrar coletivamente, que justamente, pelo tempo passar rápido demais, há que se agir urgentemente, há que agir alegremente.

Há que se criar.

Há que se performar.

Num futuro próximo neste ponto azul (ou em qualquer multiverso - de preferência multicolor) precisaremos seguir criando.

E não apenas criar coisas que separaram coisas. Ou que matam seja lá o que for.

Num futuro próximo precisaremos sorrir. Com o corpo todo.

Precisaremos chorar não somente de dor, ódio ou raiva.

Precisaremos criar ideias e espaços para unir. Para sentir outras emoções.

Precisaremos de ARTE.

Sei que estamos em um momento terrível, mas não acredito que a potência da arte morreu.

Num futuro próximo esta esquizofrênica identidade contemporânea que expurga o que não considera semelhante terá que conceber em meio a uma porção de deveres, outros modos de ser e existir. Ou estará fadada apenas à extinção.

E nós, seremos mais que a resistência de agora, seremos a alegria, a invenção, o improviso. O sentir e o pensar. A CIÊNCIA E ARTE. E tudo que pode nascer desse encontro.

Seremos a vida que vive, e não apenas a que sobrevive. Queiram eles ou não.

Falaremos com delicadeza tudo o que não é delicado. Mas também falaremos como for necessário para falar de tudo o que não querem que falemos. Queiram eles ou não.

Pensam que somos poucos, pensam que somos loucos, que somos fracos.

Acho que desconhecem o poder das histórias.

Temos mais força do que imaginam, afinal "nós somos feitos da matéria de que são feitos os sonhos".

Num futuro próximo nossos afetos nos levarão a ser muito além do que imaginamos.

Faremos ARTE porque já fazemos ARTE. Queiram eles ou não.

Seguiremos vivendo até onde a alma e a poesia alcança.

Queiram eles ou não.

Até o próximo encontro.


fale conosco

redação
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
atendimento@diariosm.com.br
ouvidoria@diariosm.com.br
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190