Novo e MDB selam aliança e lançam a dobradinha Giuseppe e Magali à prefeitura de Santa Maria

Novo e MDB selam aliança e lançam a dobradinha Giuseppe e Magali à prefeitura de Santa Maria

Foto: Giovani Dutra (Novo SM)

Pouco provável até bem pouco, a aliança entre Novo e MDB foi selada na noite de quinta-feira (4) e já com o lançamento do ex-deputado Giuseppe Riesgo e da ex-vereadora Magali Marques da Rocha, pré-candidatos a prefeito e vice, respectivamente. Anunciados como as “estrelas da noite”, ambos entraram no auditório da Cesma, praticamente lotado, sob aplausos. Em seguida, foi selada a coligação com um aperto de mãos entre os presidentes do Novo, Claudionor Ribeiro, e do MDB, Antonio Carlos Lemos. Os dirigentes também abriram os discursos.


​​+ Entre no canal do Diário no WhatsApp e confira as principais notícias do dia ​


Havia uma expectativa de que parte do MDB, ainda sem digerir a união com o partido Novo, poderia não comparecer, contudo, lideranças históricas, entre elas muitos ex-presidentes e mais jovens prestigiaram o ato político.

 
Em recuperação de uma cirurgia, Magali fez um pronunciamento curto. Em sua manifestação, ela destacou que oferece experiência à chapa, uma vez que trabalhou por mais de 30 anos na prefeitura e acompanhou diferentes administrações, vivenciando o que deu certo e o que não deu. Professora municipal, foi vereadora e secretária no governo Schirmer (MDB). “Eu tenho a experiência, poucos conhecem a prefeitura como eu. E quem vai fazer certo é esse guri (Giuseppe) e a gente estará lá para ajudar”, afirmou Magali.

 
O discurso mais esperado da noite foi do pré-candidato a prefeito. Aliás, bastante diferente, comparada à postura contundente nas redes sociais contra a esquerda, especialmente, e até o governo Pozzobom (PSDB). Com uma manifestação calculada, limitou-se a dizer que “um grupo” governou e quer voltar, e outro administra a cidade, porém, na sua visão, a cidade continua estagnada. Ele focou nas melhorias que Santa Maria precisa, como nas áreas da segurança e saúde. “A gente tem de pensar no futuro. Santa Maria virou a cidade da saudade. A gente precisa mudar, sair da mesmice”, ressaltou Giuseppe, propondo trabalhar por um município do futuro e da transformação.

 
Os emedebistas parecem que saíram satisfeitos com o tom do discurso, até porque, com muita experiência em campanhas, sabem que o que a população quer saber é de propostas para melhorias de sua cidade, ou seja, se os problemas locais serão resolvidos. Não sobre o que acontece em Brasília. Não há dúvida que Giuseppe deu um grande lance ao trazer o MDB para seu lado na reta final das articulações. Ao mesmo tempo, saiu do isolamento e tornou a pré-candidatura competitiva.


Foto: Giovane Dutra


Articulador da coligação

O início do ato político atrasou uns 30 minutos para que uma figura decisiva na articulação chegasse e tivesse lugar de destaque também. Secretário de Desenvolvimento Social do governo Eduardo Leite (PSDB), Beto Fantinel é o principal nome do MDB em Santa Maria e veio de Porto Alegre para participar do anúncio da aliança e do lançamento da dobradinha. Além dos dirigentes e dos pré-candidatos, ele foi o único a se manifestar, destacando o perfil de Giuseppe Riesgo, que, conforme ele, não é acomodado e quer a transformação de Santa Maria.

 
Beto Fantinel era o pré-candidato à prefeitura do MDB e acabou desistindo devido à demanda de sua secretaria causada pelas enchentes. Então, Magali Marques da Rocha assumiu o seu lugar e, agora, diante da coligação selada, será vice de Giuseppe. Em 2016, ela concorreu ao cargo na chapa do candidato Fabiano Pereira (PSB).


Leia mais:

Promotor alerta sobre regras da propaganda eleitoral

Marcha da reconstrução: após mobilização, prefeitos aguardam recursos para recuperar os municípios gaúchos

Hospital Universitário recebe 77 profissionais e deve abrir 10 novos leitos de UTI ainda em julho



Carregando matéria

Conteúdo exclusivo!

Somente assinantes podem visualizar este conteúdo

clique aqui para verificar os planos disponíveis

Já sou assinante

clique aqui para efetuar o login

Eleições 2024: proibições para pré-candidatos e gestores públicos entram em vigor a partir deste sábado Anterior

Eleições 2024: proibições para pré-candidatos e gestores públicos entram em vigor a partir deste sábado

Cenário à prefeitura tem decisões e até alianças inesperadas Próximo

Cenário à prefeitura tem decisões e até alianças inesperadas

Jaqueline Silveira