michele dias

Em Portugal já falta produtos nos mercados por conta do coronavírus

Colunista Michele Dias fala sobre as ações que o país está tomando frente a doença

"As escolas de todos os graus de ensino vão suspender todas as atividades letivas presenciais a partir de segunda-feira devido ao surto de Covid-19, anunciou esta noite o primeiro-ministro, António Costa, numa declaração ao país."

:: Leia mais colunas de Michele Dias

Essa é a manchete do dia, ou melhor, da noite. Por volta das 8 da noite aqui (5 da tarde aí no Brasil). A reunião para discutir o fechamento ou não das escolas começou ontem. Os bares e discotecas fecharam hoje por tempo indeterminado e os restaurantes e centros comerciais terão limitações de acesso e de ocupação. Todas as medidas anunciadas hoje vem se somar a outras já em vigor. As atividades, festas, palestras, os teatros já tinham sido fechados e cancelados.  

A orientação é para que as pessoas fiquem em casa, saindo o mínimo possível, numa tentativa de "travar" a transmissão do vírus. 

Já se nota um movimento bem menor nas ruas e as pessoas, com receio do que virá, correram aos supermercados. Hoje a tarde, vários produtos estavam em falta em diferentes redes mercadistas.

Em Portugal, tem 78 casos positivos para o covid-19 e mais de 630 devem ser investigados. O país não registrou nenhuma morte e a boa notícia é que um primeiros pacientes infectados já está curado. 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190