deni zolin

Startup quer reduzir tempo para identificação de bactérias

Empresa foi formada por alunos da UFSM e é a única da região contemplada pelo Programa Centelha


Foto: Auftek (Divulgação)

A startup Auftek Tecnologia, formada pelos alunos da UFSM Adriano Jaime e Charles Haab e orientação do professor Leandro Michels, foi a única empresa da região contemplada pelo Programa Centelha, promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e órgãos como Finep, CNPq e Fapergs. Ele oferecerá capacitações e recursos de apoio à pesquisa. Segundo a UFSM, a Auftek concorria com 784 propostas de todo o país e, após seleção criteriosa, ficou entre as 28 contempladas, tendo ficando na 18ª colocação.

Pedestres e lojistas afirmam não perceber mudanças drásticas em reforma do Calçadão

O projeto "Dispositivo para identificação de contaminação bacteriana" envolve duas principais áreas de pesquisa, a engenharia e a microbiologia. O objetivo do dispositivo é automatizar e reduzir o tempo de análise e identificação de micro-organismos (com foco na identificação de bactérias) de dias para horas, causando uma redução de custos e simplificação do processo, que é usado em hospitais e laboratórios. Dessa forma, o desenvolvimento de um dispositivo eletrônico para a avaliação de bactérias apresenta um elevado impacto, tanto tecnológico como científico, pois pode auxiliar na identificação do melhor tratamento de determinadas doenças bacterianas ou avaliar a segurança de alimentos.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190