Deni Zolin

Inflação do aluguel chega a 9,27%, mas muitos não serão atingidos

Presidente do Secovi comenta os reflexos da pandemia no setor de imóveis em Santa Maria

18.306

Com a inflação do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) ficando em 2,23% em julho, a inflação bateu em 6,71%, em 2020, e em 9,27% no acumulado de 12 meses. Esse último índice costuma ser usado em contratos para o reajuste de aluguéis. Diante da crise atual, em que muita gente perdeu renda ou o próprio emprego, e em que muitas empresas tiveram a receita encolhida, ter de enfrentar um aumento de 9,27% seria quase impensável. Porém, na prática, boa parte dos inquilinos de imóveis residenciais e comerciais vai escapar de pagar esse reajuste, porque, durante os primeiros meses da pandemia do novo coronavírus, viram-se obrigados a renegociar os aluguéis.

Santa Maria segue na bandeira laranja

As situações são das mais variadas e dependem de caso a caso, segundo o presidente do Sindicato da Habitação (Secovi), Odil Gomes de Castro. Enquanto houve proprietários que reduziram os valores de aluguéis por seis meses ou até o final de 2020, para moradores que perderam renda ou empresa que tiveram quedas bruscas nas vendas, houve outros donos de imóveis que foram inflexíveis e não aceitaram baixar os preços.

- Muitos desses que não baixaram acabaram vendo os imóveis ficarem desocupados, pois os empresários não tiveram condições de pagar ou procuraram imóveis com aluguéis mais baratos. Por isso que se vê muitas placas de aluga-se. Acredito que vão pegar esse reajuste de 9,27% só aqueles inquilinos que não tiveram redução da renda e não precisaram renegociar - afirmou Odil Castro.

Bandeiras: AM Centro decide manter modelo de Distanciamento Controlado do governo do Estado

Em relação às vendas de imóveis, Castro diz que, a partir de junho, houve uma retomada. Porém, a maioria é de pessoas que busca imóveis para morar.

- Os investidores é que ainda não retomaram tanto as compras. Mas como outros ativos de investimentos são, hoje, de muito risco, acreditamos que o imóvel vai se tornar, novamente, um investimento bastante procurado - opina Castro, lembrando que as construtoras seguem trabalhando e não baixaram preços de imóveis novos. 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190