Deni Zolin

Concessionária Rota de Santa Maria não prevê desconto para quem morar perto do pedágio

Empresa, que faz parte do grupo espanhol Sacyr, assumirá a RSC-287 em julho deste ano. Mas novas praças na região só começará a cobrar em julho de 2022

A concessionária Rota de Santa Maria, do grupo espanhol Sacyr, que vai assumir a concessão da RSC-287 no final de julho, pretende cumprir as regras do contrato e não prevê nenhum abatimento de tarifa a quem morar perto das praças de pedágio. A informação foi confirmada com exclusividade pelo diretor geral da Sacyr Concessões, Aquilino Martinez, à coluna nesta quinta-feira, após encontro com o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB). Na reunião, Martinez anunciou que o contrato com o Estado deve ser assinado em 24 ou 26 de junho e que a empresa assumirá a rodovia e as duas praças de pedágio da EGR no final de julho.

Estado orienta que vacinas não fiquem estocadas, mas Santa Maria tem 3,7 mil vacinas paradas

Apesar de o edital não prever desconto ou tratamento diferenciado para quem mora perto das praças de cobrança, havia uma dúvida de como seria a política da empresa que ganhasse a licitação - isso porque, em outras concessões, já houve casos de serem abertas exceções para quem transita poucos quilômetros por morar perto dos pedágios.

No caso da região, haverá duas praças de pedágios novas, mas a cobrança só poderá iniciar em julho de 2022, após a rodovia ser totalmente recuperada. Uma praça será perto do Trevo do Santuário, entre Santa Maria e a 4ª Colônia, e outra entre Paraíso do Sul e Novo Cabrais - essa última foi mudada de local, durante os estudos do Estado, porque o local previsto inicialmente previa a instalação bem perto da área urbana de Paraíso.

- É o contrato que regula isso, e vamos cumprir o contrato. As pessoas que sentirem lesadas têm de falar às autoridades para tentar mudar isso - diz Martinez.

Tradicional fábrica de Santa Maria lança novo formato de refrigerante

Quando assumir a rodovia, em julho, a tarifa para carros passará dos atuais R$ 7 para cerca de R$ 3,50 a R$ 3,60, pois o valor do leilão, de R$ 3,36, terá correção da inflação. Esse preço foi menos de metade do valor máximo previsto pelo Estado, de R$ 7,37. A 2ª colocada ofereceu tarifa de R$ 4,75, e as demais, de R$ 6,70 e R$ 7,30. A Sacyr garante que, mesmo com tarifa tão abaixo das concorrentes, fará toda a duplicação da rodovia nos prazos do contrato: de Tabaí a Novo Cabrais, será até 2030, e de Novo Cabrais a Santa Maria, até 2042.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190