camila cunha

Reels é a novidade do Instagram

Colunista Camila Cunha fala das novidades na rede social

18.398

Na última semana, vimos uma novidade no Instagram. Como já era de se esperar, Zuckerberg (CEO do Instagram, Facebook, WhatsApp) não ia deixar barato o sucesso do Tik Tok. Brincadeiras à parte, a nova ferramenta, dentro do próprio aplicativo do Instagram, possibilita fazer micro vídeos com edições. Alterar velocidade, usar filtros, colocar músicas, cortar, usar o temporizador, esses são os recursos do Reels. A criação é uma espécie de continuidade (com muito mais funções) do "cenas" que já existia dentro do stories. Diferente do "cenas" o Reels terá um espaço especifico para armazenamento, um ícone, como o IGTV. 


Comentei sobre o Reels na minha coluna do jornal impresso nesse final de semana. Agora, vendo os feedbacks, percebi que muitas pessoas ficaram frustradas com a nova funcionalidade, esperavam mais. Eu já vi como ele funciona pelo celular do pessoal aqui de casa, porque o meu não está aparecendo ainda (estranho).. Já atualizei o aplicativo, e nada. 

O lançamento não é mundial, o Brasil foi escolhido, junto com França e Alemanha, para começar a usar o Reels. Isso porque o Brasil é um fenômeno de público nas redes sociais.Gosto da ideia de ter tudo dentro de um mesmo aplicativo, acho mais prático. Não me rendi ao Tik Tok por achar ele complexo (risos), trabalheira mesmo. O Reels parece ter facilitado um pouco as edições. Os vídeos bem elaborados, cheios de edições, que temos visto na nova ferramenta, normalmente,são feitos em outros editores e postados no Reels. 

Uma promessa do Reels, é dar mais visibilidade para essas postagens, já que cada vez o algoritmo tem dificultado a entrega dos conteúdos. O aplicativo Chinês, por exemplo, proporciona aos seus usuários bem mais alcance. Usuários do Tik Tok, mesmo com contas recentes, já conquistaram milhares de seguidores e visualizações. Coisa que sabemos que no Instagram isso é bem mais difícil. 

E aquela dúvida: será que o Reels vai "engolir" o Tik Tok, como o Stories (do Instagram) fez com o Snapchat? Olha, eu não duvido nada do poderoso Mark Zuckerberg, mas também acho que os chineses não brincam em serviço. Muita gente faz os vídeos no Tik Tok e posta no Instagram, mas os vídeos possuem uma marca d´agua, ou seja, o Instagram detecta isso e diminui a visibilidade deles, além de baixar a qualidade da imagem dos vídeos. "Reza a lenda" que você não pode escrever ou falar nos stories o nome Tik Tok, caso isso aconteça, seu vídeo será "boicotado", ou seja, o algoritmo não vai deixar que ele tenha grande propagação. Loucura né?!


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190